Casa dos Contos Eróticos

Primeira foda é foda

Autor: gata safada
Categoria: Heterossexual
Data: 29/09/2010 18:52:20
Última revisão: 16/03/2011 10:05:52
Nota 9.46
Ler comentários (90) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

PRIMEIRA FODA É FODA

Gente, adoro dar. É sério. A-D-O-R-O! Comigo é algo meio compulsivo. Tenho uma necessidade quase fisiológica de dar, daquelas que, se passar mais que uns poucos dias sem sentir algo entrando em meu corpo... começo a ter calafrios. Salvo uma ou outra exceção, toda mulher adora. Não tem sensação igual e o homem não tem como imaginar o que é isso. Desde o primeiro contato da pontinha da membro com os pequenos lábios, seguido pela lenta abertura da vagina, quando começamos a senti-la se esticando, acomodando seu passarinho, até quando ela é totalmente preenchida, sentimos prazer em três dimensões: largura, altura e profundidade. Especialmente nesta última. Ou seria na largura? Não importa. O que interessa é ser devidamente preenchida, mas embora ser mulher seja tudo de bom, todo começo de vida sexual é complicado.

A começar pelas primeiras molestações dos meninos, afinal, por quanto tempo temos que ficar segurando a onda deles, que insistem em apertar nossos peitinhos e meter a mão entre as coxas? Nesta época, eu ainda não dava, mas era muito namoradeira. Beijava muito e não me lembro de nenhum ficante ou namorado que não tenha tentado meter a mão lá embaixo logo nos primeiros beijos. A gente pode dizer "não" e puxar a mão para cima, mas o sacana logo se faz de desentendido a leva de novo lá para baixo como se aquilo fosse um território sem dona. Todos! Bem, teve um que era bobinho e não tentou. Me cansei dele rapidinho e o descartei.

Antes de ter aquilo na mão e a mão naquilo, os peitinhos são os mais atacados. Acho que é porque são facilmente acessíveis. São alisados, apertados, espremidos e chupados até por cima da roupa. Claro que é um tesão também deixar o gato pegar no peitinho, mas apenas quando a gente quer. Só que não é bola de borracha. Tem que acariciar para dar tesão, e não treinar a munheca. Três coisas importantes: 1) não fique apertando o bico entre os dedos. Dói e incomoda! 2) Pare de chupar o mamilo como se fosse um bebê. Chupe, mas não esqueça de lamber em volta da auréola e em todo o peito, da parte mais baixa até próximo à axila. Somos muito sensíveis nele todo. 3) PeloamordeDeus. Não morda o mamilo!!! Haja com civilidade.

Outra coisa. Nada de empurrar sua mão contra a calça achando que estamos ficando loucas. Até estamos, mas de raiva de sua falta de sutileza. Como somos compassivas, ficamos quietas diante daquele ataque medieval contra nosso sexo, como se você quisesse derrubar os portões do castelo. Já aviso: não tem nada de tesão ou gostoso ter a calcinha esfregada contra nossa preciosa. Prefira apenas alisar por cima e até passar as unhas, pois isso gera uma vibração gostosa que nos deixa mais acesas.

Antes mesmo de ver um pinto a gente já tem noção de como ele é. Ao menos, de quão duro ele é e mais ou menos o tamanho. Qualquer amasso ou beijo em lugar mais escuro e o namorado já está lá, com a rolinha dura tentando esfregar no nosso triângulo mais íntimo. E não adianta a gente colocar a bundinha para trás. Sempre tem um assanhado que quer porque quer esfregar o bingolim duro na nossa virilha e vai empurrando o corpo para frente quase “sem perceber”. É a cena da tenda armada. No fundo, é até gostoso, mas um tanto frustrante para a menina, pois normalmente a gente só fica excitada, sem condições de chegar a lugar algum. Perdi a conta de quanto namoradinho estremeceu e gozou dentro da cueca enquanto se esfregava feito doido em mim, mas eu sempre tinha que gozar em casa, sozinha, na ponta dos meus dedos. Não tem pinto dentro da calça que chegue onde precisamos para atingir o orgasmo. O garoto não percebe que o pinto dele fica esfregando em cima dos nossos pentelhos e isso não fará a gente gozar? Será que vocês não entendem?? Tudo bem, um dia cobraremos isso com juros.

Parte de nossas amarras começam a soltar-se quando finalmente seguramos no pinto. Lembro do primeiro que segurei. Eu tinha 14 e ele era um namoradinho dois anos mais velho. Embora eu já tivesse apertado algumas vezes por cima da calça, quando ele colocou seu membro para fora fiquei com vergonha de olhar, mas amei a sensação de rigidez e calor que vinha daquela peça novinha. Eu segurava como quem empunhava uma raquete mas, meu Deus, eu ESTAVA SEGURANDO UM PINTO!!! Naquela noite, pouco tempo de manipulação naquele pedaço de carne dura e descobri o que sempre saia dentro de sua cueca quando eles estremeciam... e como aquilo era pegajoso. O esperma melou minha mão e minha calça, mas achei divertido a reação dele enquanto gozava. Acho que me senti mais mulher. Com o tempo – e experiência – a gente vai aprendendo a segurar direito e como fazer para o gatinho gozar. Descobre a hora certa de parar de bater quando ele começa a ejacular e, principalmente, como fazer para não tomar banho de porra por causa dos movimentos amalucados da punheta. Quantas vezes não me sujei e melei roupas enquanto batia freneticamente, fazendo com que o pinto parecesse uma mangueira de jardim jorrando gotas para tudo que é lado. Quando fiquei mais esperta com isso e via que eles iam gozar, diminuia a velocidade e apontava o canhãozinho para baixo. Bom, nessa fase eu virei uma punheteira. Adorava ver a cara de tesão dos meninos e batia punheta em qualquer ficante, até nos mais feinhos. Devo ter ordenhado algumas centenas de litros de esperma nessa época. Minha nossa. Era uma fixação para mim. Transar eu ainda não transava, mas adorava ver a porra jorrar pelas minhas mãos. Quando tinha 16 anos – e ainda era virgem – cheguei a tocar três punhetas diferentes num só dia. Era a típica safada sem ser, realmente, galinha. Batia punheta no fundo da escola, em salas de cinema, banheiro da escola, no fundo de casa, em construções, dentro do carro dos pais, na casa dos garotos, ou seja, onde pudesse estar segurando um pinto, lá estava eu. Mas, gozar mesmo, só com minhas masturbações ou carícias de namorados.

Por falar em masturbação, isso é muito bom. Comecei a me tocar com treze anos e nunca mais parei. Primeiro descobri o chuveirinho. Depois era no banho ou na minha cama, antes de dormir ou ao acordar. Mas, sem vergonha como era, já me masturbei em festinha, em banheiro da escola, em todos os cômodos da casa, na casa de amiga e por aí vai. Se eu saísse e ficasse excitada por algum motivo, tinha que me masturbar senão não me aguentava de calor. Gozar me acalmava o espírito. Aliás, acho que meu espírito é o mais calminho do planeta, pois gozo quase todos os dias, seja transando, seja me masturbando. Claro que ser masturbada também era uma delícia. O problema era achar quem soubesse fazer isso de forma decente. A maioria dos meninos acha que clitóris é um botão de campainha para ser apertado. Não é!!! É para ir com carinho, movimentos circulares são bem vindos e, por favor, cuspa sempre nos dedos. Não se envergonhe. Somos sensíveis. A boceta é delicadinha. Quanto mais lubrificada, melhor será para ambos. No entanto, sentir o dedo masculino entrando na rachinha era sempre bom, mesmo que não conseguisse me fazer gozar.

Quer uma dica para descobrir como sua garota gosta de ser tocada? Peça a ela para se masturbar para você assistir. Pode ter certeza, não só ela vai atender ao seu pedido como se excitará com ele. E preste atenção em como ela faz: se usa um ou dois dedos sobre o clitóris, se passa os dedos na vertical ou faz movimentos circulares, se passa os dedos em volta do botãozinho, se enfia o dedo na vagina, se esfrega com a mão espalmada. Saiba que muiiito antes de um homem tocar na nossa rachinha a gente já fazia isso de olhos fechados. Não tente mudar a prática de anos. Cada uma de nós tem um jeito que adora tocar e ser tocada. Aprenda e conquistará sua fêmea.

Vamos acabar com um mito? Orgasmo simultâneo durante um sessenta-e-nove ou masturbação recíproca. Isso é um fracasso da sexualidade. As poucas vezes que tentei não deu muito certo. Houve casos de estarmos nos masturbando mutuamente e, quando eu estava quase lá, o gato começou a gozar e parou os movimentos em mim. Sessenta-e-nove então, nem se fala. Foi frustrante. Convenhamos: o bom do gozo é o egoísta. A garota se entrega aos dedos do parceiro, goza e, depois disso, faz um boquete ou bate uma punheta para ele. Cada um terá 100% de atenção. Ora, quando estamos para gozar, o gostoso aquela espera do "gran finale". Ficamos paradinhas, a respiração suspende... e vem a descarga elétrica.

Transar é outra história. A garota que diz que a primeira vez foi mágica como filminho do Pequeno Pônei está mentindo. Dói para cacete. Aliás, é o cacete que rasga uma membrana e invade um lugar ainda intocado. O garoto que disser que “indo com jeitinho não dói”, por favor, vire-se de costas para mim e repita isso enquanto eu enfio um dedo na sua bunda. Relaxa e goza, sacana. Na minha primeira vez doeu para caramba. Não deu prazer. Dei porque queria e precisava dar. Dei porque estava cansada de ser virgem. Qualquer pintinho pequeno é uma tora para uma boceta virgem. Já na segunda e terceira, bem, a história foi mudando. E, depois da terceira, aí é usar bastante para acostumar.

Nessa época, ainda ficava com muito gatinho – beijava muito e continuava punheteira – mas enfiar a piroquinha em mim era para poucos escolhidos. Ora, bater punheta eu batia até nos feinhos, mas meter em mim tinha que ser gatinho. Isso deixava muito garoto puto comigo, pois já sabia que eu não era virgem e se achava no direito de transar comigo. Não metia e pronto. Punheta eu bato. Fazer gozar, eu faço. Mas, enfiar em mim, não! Sou eu quem decide. No fim, todos acabavam aceitando ao menos a punheta.

Chupar o pinto é outra coisa que a gente até aprende antes de transar. No começo, é complicado. Temos medo de contrair alguma doença incurável e mortal, ou medo daquilo estar sujo, ou medo de ficarmos mal-faladas. No fundo, a menina quer mesmo sentir como é, até porque a maioria das amigas fala que já faz sexo oral (mesmo que nunca tenha posto a boca lá). Como a gente entra nessa fase depois que "aprende a pegar", também já sabe o que sai do pinto quando o garotinho goza. Será que temos que andar com placa na testa dizendo “NÃO GOZE EM ANTES AVISAR?”. Por que tem tanto rapazinho que goza na nossa boca sem aviso prévio. Só aprendi a mamar com prazer depois dos vinte e tantos anos. Até lá, tinha pavor do esperma na boca, mas quantos não foram os infelizes que me fizeram cuspir porra e limpar o rosto quando tudo estava indo tão bem.

Rapazes, aprendam uma coisa: nossa boca não é privada. Quer gozar e esporrar sem qualquer reclamação, faça isso no seu banheiro. Ou seja prudente e avise ou pergunte à parceira: “olha, estou quase gozando”. Se a garota balançar a cabeça sem tirar seu pau da boca, pode despejar a carga na goela dela. Se ela afastar o rosto, então a ajude a não tomar nem banho de porra. Conforme-se: ela não gosta e não quer contato com seu líquido precioso!

Com o passar do tempo, além de punheteira virei uma chupeteira inveterada (ainda não mamava). Batia e chupava com um prazer louco. Claro que sempre pedia para os garotos avisarem antes, mas aprendi quase a gozar com eles só de olhar. Enquanto chupava, eu ficava contraindo minha boceta e bem depois descobri que isso é uma técnica chamada "pompoarismo". O resultado bom é que quando chegava em casa, só de tocar na minha bocetinha melada e em ponto de bala eu explodia de tanto gozar. Nessa época, comecei a achar que eu precisava me tratar. Eu ficava cheirando a mão que tinha tocado punheta enquanto me masturbava. Adorava o cheiro de porra. Só que (por favor, não riam) tinha medo de engravidar. Se o esperma tinha caído na mão direita, eu me masturbava com a esquerda. E vice versa.

Hoje em dia não sou diferente. Nunca dou no primeiro encontro, mas isso não significa que vá voltar para casa no prejuízo. Adoro ser masturbada mesmo pelo gato que acabei de conhecer na balada. E, como chupar (ainda) me dá um tesão incrível, continuo boqueteira, mas com uma diferença: hoje não deixo eles sujarem a calça... entendeu?

Agora, amor à primeira vista (em matéria de sexo) é quando ganhamos a primeira sessão de sexo oral. Aquilo que passamos a existência inteira escondendo do mundo está ali, na frente dos olhos, nariz e língua de um escolhido. Entenda: por muitos anos ninguém sequer imaginou como era aquilo que estava escondido na nossa rachinha, oculto entre nossas coxas roliças. Aliás, este "escolhido" tem uma visão que nem mesmo nós, mulheres, temos da própria intimidade. Claro que a maioria delas já se bisbilhotou com espelinhos, mas não é a mesma coisa. Queridos, estamos ali, abertas, escancaradas, arreganhadas para você, gatinho. Quer voto maior de confiança? Você tem à sua disposição dois buracos e um pontinho mágico. Mas não chupe como se estivesse desentupindo um ralo e nem fique lambendo como se sua língua fosse uma britadeira. Temos dobras! Orifícios! Curvinhas escondidas. Pode explorar devagar, sem pressa e sem pudor. Se nos abrimos, é para sermos exploradas por sua boca. Queremos sentir sua língua nos percorrer sem pudor. E, por favor, nunca se esqueça do clitóris, mas tem mulher que sente desconforto com algo esfregando diretamente sobre ele, então, passe a língua em sua volta. No meu caso, pode abrir a racha e levantar o prepúcio do clitóris. Adoro quando meu parceiro tem uma "conversa franca e direta" com ele. Gozo sonoramente.

Já que estamos perto do buraco, posso confessar uma coisa? Boceta não é tudo igual. Só porque você viu naquele filme pornô de péssima qualidade o porco do Alexandre Frota enfiar 4 dedos na boceta da vadia e dar aquela escarrada para melar a racha, enquanto ela grita de tesão, saiba que isso é deprimente e broxante para a maioria das meninas. Entenda algo: pinto-boceta. Boceta-pinto. Um foi feito para o outro. Nem todas gostamos de dedos sendo enfiado. É desconfortável. Pode enfiar o pinto quanto quiser. Aliás, deve enfiar muito e por muito tempo. Não gasta. Se eu pudesse contar quantas enfiadas um pinto dá em mim durante o sexo e multiplicar isso pelo tamanho do bilau, eu adoraria que cada transa fosse do tamanho de uma viagem de Porto Alegre a Rio Branco. Pequeno ou grande, fino ou grosso, enfie à vontade. Mas só coloque os dedos se sua gata disser que isso a excita. Não tome essa iniciativa porque poderá queimar seu filme.

Por último, dar o cu é outra missão nem sempre muito fácil. Tem dia certo, alinhamento dos sete planetas, Saturno tem que estar na casa de Júpiter no ano bissexto, calendário lunar, taxa de hormônio em alta e outros fatores a serem considerados. Já dei o cu sem saber direito se o gato estava enfiando na boceta ou na bunda, mas já houve vezes que nem chupadas intermináveis me fizeram relaxar. Nem nós mesmas entendemos esse outro buraco.

Tudo bem que, quando dá certo de usar o buraco traseiro, amamos senti-lo entrando, dá um tesão incontrolável e aprendemos a xingar novos palavrões com isso. É um tesão deliciosamente incontrolável. Dar a bunda é um tabu feminino sempre bom de ser quebrado, mas acredite: NÃO significa NÃO. Esse papo de quando a garota diz não é porque quer dizer sim, e quando diz para parar é porque quer que continue, é papo de machista idiota que nasceu de um aborto sem mãe. Respeite a vontade de sua garota e talvez você ainda coma o cu dela. Passe dos limites e com certeza verá seu futuro ex-amigo fazer, um dia, o que você nunca conseguiu fazer com ela durante o tempo que estiveram juntos. E tenha certeza: além de dar o cu para ele sem piedade de suas tentativas fracassadas, ela vai esparramar para todas as amigas que você não passa de um cavalo.

Bem, espero que eu tenha contribuído para esse delicioso público masculino. Dar é bom, mas tem que ser com prazer, meninos.

Comentários

02/02/2018 00:17:04
DENTRE MAIS DE CENTO E TRINTA MIL CONTOS, ESTE ESTÁ ENTRE OS 110 MAIS COMENTADOS DO SITE, COM 97 VOTOS. Bem escrito, merece a nota máxima!
14/04/2016 01:47:08
Impressionante que eu nunca tenha lido seus contos antes, uma autora simplesmente singular aqui. A forma de narrar e desenvolver a história, o ritmo, tudo. 10 é pouco pra ti.
15/09/2015 11:27:25
SUPER LEGAL...
29/08/2014 04:48:13
Este é um texto verdadeiramente didático, devia ser de leitura obrigatória nas aulas de educação sexual. Parabéns!
01/08/2014 15:25:43
MAGNÍFICO...
19/12/2013 23:56:04
Gata Safada, o início deste seu conto, narrando o gozo de uma mulher, tendo sua vagina penetrada pelo falo de um homem, realmente é muitíssimo excitante, deixa qualquer homem macho de falo duro. Dramatizou bem, narrou melhor ainda, merece sem dúvida nota 10 parabéns. oraciov6@gmail.com
21/08/2011 20:43:25
14/08/2011 23:22:57
otimo parabens vota la no meu conto e me add badboyofpeace@hotmail.com
02/04/2011 08:16:20
GENIAL!!! 10
14/02/2011 08:07:30
Adoro ler este conto e dar nota 10, ele é muito bom, mulheres pode me add (kmariom@hotmail.com)
14/02/2011 08:00:18
Adoro ler este conto, ele é muito bom. nota 10
10/02/2011 11:48:41
procurei esse texto porque li num conto do IBSSZ uma versão masculina dele. Excelente os dois. Voces estão de parabens. beijos.
"J"
31/01/2011 23:52:26
Você me fez lembrar de uma namorado do passado que era um show de anal, o cara me penetrava por traz, enfiava dois dedos na vagina, mordia meu pescoço e puxava meus cabelos sutilmente, NOSSA ERA D+, SENTIA UM PRAZER imenso!!!! ele sabia fazer o negócio bem feito.... muito bom esse conto!
"J"
31/01/2011 23:52:23
Muito bom! Sabe, normalmente não gosto muito de anal, mas tive um namorado do passado que sabia fazer bem feito, era ótimo fazer isso com ele, tenho saudades até hoje, ele penetrava por traz, colocava os dois dedos na vagina, mordia meu pescoço sutilmente enquanto puxava sutilmente meus cabelos..... NOSSA.. EU GOSAVA MUITO... este conto me fez lembrar dele, o cara era uma máquina na cama, mas como quaser todos estes espécimes masculinos, mulherengo, mentiroso, não valia nada a criatura, mas nisso ele era bom!!!! muito bom!
29/01/2011 18:35:03
GATA ESSE FOI O MELHOR CONTO QUE EU JA LI!!! QUE PENA QUE EU Ñ TE CONHECI NA SUA ADOLECENCIA, PARA EU DESFRUTAR DA SUA PONHETA BEM BATIDA COMO VC DIZ. DEICHO AQUI MEU IMENSO BJOA A VC!!
25/01/2011 15:43:57
Muito bom. Parabens.
24/01/2011 03:39:12
Muito bom! Nota 10.
15/01/2011 20:48:18
Atendendo a seu pedido que voce deixou aquela deliciosa mensagem na página de meu conto! Vocè deve ser uma uva da serra orvalhada e doce! Deixa qualquer um com a libido explodindo! Obrigado linda! Quer ter um fone ramal celular em seu perfil?? Acesse www.ramalcelular.com.br/1250 ou me ligue (sem ddd ramalbjao!
15/01/2011 06:15:13
PERFEITAMENTE CORRETA. AMEI LINDA. VC SABE BEM O QUE FALA E DIZ O QUE MUITA MULHER NÃO TEM CORAGEM DE DIZER. BEIJOCAS
13/01/2011 10:37:13
Eu tenho que escrever sobre esse "conto"... Não parece conto, é um texto didático e bem humorado pra cacete! Mas não é um conto erótico. Ruim demais pra deixar de pau duro.
12/01/2011 14:55:41
Gosto de fazer surpresas nas minhas gatas, gosto de enfiar um consolo bem grosso´um no cuzinho e outro na bucetinha, quando ela menos espera, enfio o bichinho bem devagarinho ou seja na bucetinha ou no , muitas das vezes os 2 juntos, na bucetinha e no cuzinho. Agata da aquelas contraçoes até gozar bem gostos, nessa hora vc deve chupar o peitinho dela, ela gozará que é uma beleza. A minha gata quando chupo ela nos peitinhos, ela sente o maior tezão na bucetinha, é um prazer que me contagia. Minha gostos, me contacte que eu quero fazer e aprender com vc, eu te ensino e vc me ensina, vamos gozar pra caramba. Beijos nela. silvajrfelipe@hotmail.com
12/01/2011 14:50:13
Eu quero saber se vc gosta quando um cara mete no seu cuzinho e depois enfia um consolo de 21 cm na sua buceta ou o consolo na sua bucetinha e a piroca junto se vc se surpreende, pede para tirar ou pede para ele continuar até vc contrair o cú ou a buceta e gozar pra caramba. Vc é uma tremenda de uma vadia, piranha safada, que eu gostaria de conhecer, fazer vc se sentir realmente mulher. Beijo na sua bucetinha e no seu cuzinho. silvajrfelipe@hotmail.com
09/01/2011 17:16:16
Impressionante,vc fala com um certeza . com uma esperiencia,que ate me emociona. Eu posso dizer que eu nunca comecei a fazer,quero dizer nos eu e minha irmã , mas graças a você .. saberemos de muitas coisa que nunca ninguem falaria na nossa cara e agente nunca teria corragem de perguntar .. Sabe ser adolecente de 16 anos não e facil a gente não e nem mulher e nem meninas,estamos no meio disso,fase critica ,como diz minha irmã e vc ajudou muito . ♥
05/01/2011 18:26:04
Excelente! Vou salvar no meu computador!! Nota 1000!
05/01/2011 05:54:23
Merecidamente vale um 10! Adorei!
05/01/2011 03:28:27
parabéns falou pouco mais falou bonitootimo texto mesmo qualque coisa mim add ernandoxv@hotmail.com... valeu my friend....
04/01/2011 16:43:54
oi...gostaria de comentar esse conto com voce.....foi muito interessante..posso? r.rverde884@gmail.com
03/01/2011 23:54:16
Adoray, tudo haver com a ''histório sexual feminina, em uma simples versão passo-a-passo. Adoraria expor esse conto no meu blog, me daria a honra? http://www.portalhm.blogspot.com, aguardo sua autorização no meu email portalhm@hotmail.com
KHB
03/01/2011 23:01:28
Excelente, pqp! E a primeira foda é FODA mesmo!
03/01/2011 16:26:19
quem quiser me dah so add msn:cleiton_02_13@hotmail.com mas aceito mulher
03/01/2011 03:15:34
otimo conto
Ale
01/01/2011 22:47:48
Que delicia de conto, nada como uma boqueteira inveterada pra dar bons conselhor a nós fodedores de plantão...
30/12/2010 18:42:35
nota 10 vc e demais me add no msn misteriovirtual@live.com .bjos
29/12/2010 16:01:21
26/12/2010 18:25:01
Boa! gata safada. Você merece bem mais que dez. Eu gostaria de te dar uns vinteXquatro, mas...
26/12/2010 16:23:06
parabens a vcs.
26/12/2010 15:24:18
Putzzzz! Quando li o assunto, já ia desistir, mas vc conseguiu me deter com as primeiras palavras hilárias suas... Fiquei fascinado com a maneira natural e, diga-se passagem como muita autoridade, porque vc é... gostaria muito de ter vc no meu msn... rarfighteralone@hotmail.com - não dou mais de 10 porque não há outra opão
24/12/2010 14:34:47
Vc é incrível, gostei do jeito como fala, gostei do jeito como fla "na nossa língua" queria ter contato se tiver msn add por favor: arthurlimapinto@hotmail.com
21/12/2010 04:54:23
Perfeito! Gostaria de ter lido isso alguns anos atrás, tive que aprender tudo com muita observação, paciência e carinho, não é facil desvendar uma mulher, muito por causa de homens machistas que acham que tudo podem e elas nada podem.Tremenda incoerência.Amei teu jeito de escrever, livre, leve e solto e verdadeiro. Deveria pensar em escrever profissionalmente.Parabéns.
06/12/2010 00:11:57
Realmente Gatinha.safada... você é demais!!! Escreve com naturalidade... fala de sexo sem puder e com uma facilidade... gostaria de trocar contos contigo... também escrevo muito sobre sexo... e fiquei impressionado com você... Se quiser conversar.. é só postar uma mensagem aqui... depois te passo o msn, caso queira... Abraços.
03/12/2010 00:52:58
Parabéns!! Muito bem escrito, inteligente, bem humorado. Poderia ter mais três páginas e não cansaria. Fantástico. comece a pensar na idéia de escrever um livro!!!
02/12/2010 19:28:15
muito bom espero te conhecer um dia para trocarmos esperiencias...
01/12/2010 04:25:39
muito legal gatinha, parece uma sexologa, falando, aprendi experiencias assim em muitas revistas ou com mulheres mais velhas, e é assim mesmo,espero que seus desejos estejam sendo realizados, caso contrário estamos ai. rsrsrsss...brincadeira!!! mas seria uma experiência e tanto. bjs
27/11/2010 21:14:07
Meu Deus, eu tbm passei por tudo isso, e o pior é que é assim mesmo boquetera e punheteira com muito orgulho, hahaha parabéns
25/11/2010 18:08:19
muito bom. usar humor e ensinar ao mesmo tempo (ou ao menos explicar...rs). Se usarmos 99% de tudo que voce escreveu...rs....ou tem que ser os 100%?... parabéns
24/11/2010 22:23:48
vc disse tudo q meu ex precisava ouvir, e já descobri aonde meu atual aprendeu muita coisa!
19/11/2010 15:04:13
Reunir bom humor, informação correta e tesão não é pra qualquer um. Você saiu-se bem em todos os quesitos com louvor... Queria muito conhecer uma mulher que nem você.. Feliz o homem que te tem na cama.. Ao mesmo tempo, Coitado dele, tem de ser mesmo HOMEM! Parabéns...
18/11/2010 22:51:33
Pela primeira vez leio um conto (ou seria uma aula) com mais de 2 páginas e garanto que ficou com gostinho de quero mais. Sensacional sua abordagem, simples direta e objetiva, sem meios termos. Meus parabéns.
17/11/2010 22:23:23
Você acha que entende do assunto né (rs)... mesmo que não entendesse, me convenceria, pelo jeito que escreve. Parabéns, 10!
17/11/2010 00:22:30
adorei sua historia, fiquei louco pra te comer.. vr-andrade@ibest.com.br sete lagoas-mg
11/11/2010 23:55:29
olha adorei seu conto como nunca vi igual...queria teu email p te add se possivel queria muito manter contato.... parabéns
11/11/2010 19:23:34
Adorei! Vc é de mais! Preciso de uma noite c vc.
08/11/2010 16:26:37
Li teu conto, muito bom. Não é a toa que está entre os melhores. Principalmente por teus conselhos aos meninos. É quase tudo verdade, mas nem todas as mulheres são iguais. Comigo aconteceu mais ou menos assim. Minha primeira vez foi quase um estrupo, atribui a isso a dor que seti, já na segunda eu procurei e foi divina, o homem era o certo talvez, foi meu primeiro e inesquecível orgasmo. Gozada na boca, já levei muitas, mas sempre por que quis, pois aprendi rápido a identificar os primeiros sintomas de um pau prestes a gozar. Meus seios são pequenos e adoro ser mamada, não tenho tanta sensibilidade assim próximo da axila. Quanto ao tamanho do pênis, não acho tão importante, fico com receio se é muito grande, pau torto é outra história, incomoda muito. Leia meus contos e saberá mais como sou. bjo.
31/10/2010 20:21:30
Parabéns, bastante bom e sensível.
28/10/2010 16:09:52
Excelente Conto, um dos melhores do site! GATINHA QUENTE, gostaria de conversar com vc, entendo bem o que está sentindo, se puder e quiser, me add no msn. rafanando1@hotmail.com
27/10/2010 13:48:49
Meu Deus!!!! Perfeita.. se todos os homens do planeta lessem, as mulheres ficariam muuuito mais felizes.. parabéns, e continue assim..
22/10/2010 03:18:35
VC foi a fundo nos problemas mais intimos com uma deliciosa abordagem, vc expressou de forma divertida tudo adorei...
20/10/2010 22:32:14
20/10/2010 14:20:35
Muito Boom Msmoo ! Parabéens rs'
20/10/2010 07:33:36
VC EH INTERESSANTISSIMA. ME FEZ RIR E FICAR EXCITADO AO MESMO TEMPO. INCRIVEL SUTILEZA, MAS OBSERVACOES PERSPICAZES E VERDADEIRAS. HOMENS, TREMEI !!! KKKKK PARABENS
19/10/2010 07:22:52
Gatinha quente, posso dar umas dicas?? 1) Lá na frente, daqui 20 anos, não vai adiantar olhar para trás e ver que não viveu. O tempo não volta. 2) Um dia tudo vai cair e ninguém mais vai te chamar de sexy 3) Gozar é tudo de bo que a natureza nos oferece. Masturbe-se muito, sempre que sentir tesão. Faça seu marido entender isso e, se ele não compreender suas necessidades fisiológicas do prazer, busque soluções alternativas ou reveja seus conceitos de vida a dois. Algo aí está errado. Mas, não viva de forma que vai lhe trazer arrependimento e dissabores no futuro. Viva o presente.
18/10/2010 22:37:19
AMEI!!!, Eu sou uma garota casada e que só deu pro marido, eu só fiquei com cinco rapazes antes de namorarar meu marido, e nunca fiz nada com eles além de beijar, eu fiquei facinada com sua liberdade sexual, eu amo meu marido, mas só gosei 2 vezes e ele não gosta de me chupar e eu não me basturbo. Ando sentindo muito tesão , mas meu marido só pensa em dormir e em video game!, sou muito bonita , sexy e jovem; As vezes me arrependo de não der dado pra outro pois em 8 anos de casada e 27 anos de idade eu percebo que nunca vivi nada!.
18/10/2010 17:02:16
FANTÁSTICO. COM UM HUMOR SEM IGUAL, VC FOI A FUNDO NOS PROBLEMAS MAIS INTIMOS COM UMA DELICIOSA ABORDAGEM. LEITURA OBRIGATÓRIA LETRA POR LETRA....COM DIREITO A RELEITURA RS.. DEZ COMM CERTEZA
15/10/2010 08:39:28
Dicas muito boas para rapaziada que esta começando e para muito marmanjo de plantão, que não sabe tratar uma mulher. Adorei o alinhamento dos planetas, acho que minha esposa si enquadra nesses alinhamentos ai tbém, uma boa dica pra mim. bjos
14/10/2010 14:38:57
uma verdadeira aula... viajei no meu tempo... em como tudo começõu... a primeira pica na mão, a primeira pica na boca... a primeira pica no rabo e finalmente a primeira pica na buceta. Maravilha!!!!
14/10/2010 14:28:26
um verdadeiro manual de tudo pra fazer e nao fazer na hora H =)
13/10/2010 23:23:02
POW ADOREI ESSE CONTO .ALIAS ISSO É MAIS QUE UM CONTO É UM MANUAL DA VIDA .ESSE EU VO IMPRIMIR PRA GUARDAR COMIGO TAMBEM.>>Passe dos limites e com certeza verá seu futuro ex-amigo fazer isso com ela um dia. E ela vai esparramar para todas as amigas que você não passa de um cavalo.<< DEPOIS DESSE CONTO MEU EX-AMIGO NUNCA NEM VAI VER MINHA AMADA RSRSRSR .VALE 1000 MAS SÓ TEM 10!!
08/10/2010 11:58:56
Imprimim os dois contos, vou encaderna-los, e sempre te-los a mao. Um verdadeiro manua passo a passo. Desculpem as mulheres que tive e nao soube como agir. Aprendi tarde mas aprendi. kkkkkkkkkkkkkkkkk
08/10/2010 10:59:47
Muito obrigada pelos elogios aos meus contos.... adorei seu manual também, muito útil para os homens e para as mulheres que ainda possuem alguma dficuldade em sentir e dar prazer!!!!
08/10/2010 10:54:59
ABSOLUTAMENTE VERDADEIRO. ME SENTI UMA MENINA DE NOVO, COM TODOS OS DESEJOS, MEDOS E TABUS. REALMENTE, UMA BRILHANTE OBRA PARA OS HOMENS ACOMPANHAREM E DESCOBRIREM COMO "FUNCIONAMOS". AH, RAPAZES, DEPOIS DO QUE ELA ESCREVEU, PEDIDOS DE DESCULPAS, MESMO COM 30 ANOS DE ATRASO, É BEM VINDO!!! RSSS
06/10/2010 16:15:55
PARABÉNS!!Muito bom mesmo!!!Quem sabe assim os homens e os "meninos" aprendem....rs Voltei na minha adolescencia!!!!Valeu..rsrs
06/10/2010 11:00:58
Eu to afim mesmo é de comer o cuzinho dessa gata que postou o conto.
06/10/2010 09:07:16
Nossa...impressionante! Identifiquei-me totalmente contigo. Até agora não tinha encontrado alguém que pensasse e sentisse igual a mim, é como achar um oásis no deserto depois de anos sem água. Sentia-me uma pária da sociedade por gostar imensamente de sexo, e não ser entendida por isto, nem pelas amigas. E os homens então? Acham que mulheres como nós não merecem respeito. Coisa que não entendo, afinal eles amam sexo, nós não podemos?! Suas palavras são sábias, objetivas e extremamente inteligentes. Faria alguns apartes, afinal nem toda mulher é igual, mas na essência está perfeito. Atreveria a dizer que este conto deveria tornar-se um manual, e que todo homem deveria levar no bolso e ler religiosamente todo dia, até aprender. Diga-se de passagem, passado de hora. Gostaria muito de ter uma pessoa como você avaliando meus contos. Se tiver um tempinho faça isto. Obrigada! Obrigada por expor de forma clara, inteligente e com excelente humor!
04/10/2010 20:52:49
Magnifico ... sem palavras, o melhor do Blog até agora ....
04/10/2010 14:18:08
palmas pra vc!!! Parabens mesmo...
04/10/2010 12:28:58
muito bom
04/10/2010 12:25:57
nossa muito bom amigah... adoreiii.... nossa minha 1º vez foi a treva, e ate hj nunca tive coragem de dao cu... mas planejo! bom nota 10 para vc de novo...
04/10/2010 10:49:32
Você é demais. Consegue expor o nosso íntimo e os nossos segredos de um a maneira fantástica. Espero que os homens deste forum aprendam alguma coisa com suas palavras. O que você escreve não são contos, são verdadeiros manuais de sedução. Homens, nós a maioria das vezes não queremos um homem que chega e enfie logo. Precisa de aprender a conhecer bem o nosso corpo e os nossos desejos mais íntimos. Como somos mulheres não vamos falar de caras o que nós gostamos, têm de aprender a ler o nosso corpo. Um abraço, minha querida e obrigado pelo seu comentário no meu primeiro conto.
02/10/2010 14:39:53
Hum... delícia cadelica tesuda! me add no msn terra_serigy@hotmail.com
01/10/2010 19:32:22
Sensacional!... Você é ótima. Sua narrativa é cativante e ao mesmo tempo, séria e divertida, do começo ao fim. Adorei... Parabéns!... Bj... =-)
01/10/2010 18:00:54
Tai gostei boa narrativa, só faltou você dizer que tudo tem ter muito carinho, com o carinho na dose certa vocês nunca dizem não, pelo menos eu nunca escutei.
01/10/2010 07:32:21
Nao me atrevo a comentar. Voce foi demais. Srs homens, aprendam e pratiquem, e nos terao para sempre .
30/09/2010 16:08:36
Caracas, você passou informações que são extremamentes necessárias. Tenho 18 anos e ainda sou virgem, essas informações colaboram e muito em como agir com uma garota... Muito obrigado, nota 10, mesmo... Adorei essa parte... rsrsrs "A maioria dos meninos acha que clitóris é um botão de campainha para ser apertado. Não é!!!"... muito bom mesmo.
30/09/2010 13:28:46
Mtto boom perfeito!
30/09/2010 08:32:42
MARAVILHA DE CONTO. ME SENTI DE VOLTA NA ADOLESCÊNCIA. RSSS E SEU SENSO DE HUMOR É FANTÁSTICO. SOUBE EXCITAR E FAZER RIR AO MESMO TEMPO. PARABÉNS. NOTA 1000
30/09/2010 03:34:31
Finalmente alguém que consiga explicar isso para os homens! Merece um 10!
30/09/2010 02:27:22
MUITO BOM... PARABÉNS!!!!!! ADOREI...
30/09/2010 01:10:00
Vejo que meu tempo de pré-adolecencia, adolecencia, juventude e depois adulta me fizeram saber usar os meus atributos e os de minhas parceiras, sendo que uma se tornou minha amada esposa, para melhor aproveitar o que o sexo tem para nos oferecer. Minha esposa concorda com vc e parabeniza sua iniciativa, quem sabe outras moças não tenham que sofrer detarminadas agruras não é ?
29/09/2010 20:31:37
Maravilha, aprendi mto.
29/09/2010 19:56:24
Legal, gostei mto

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.