Casa dos Contos Eróticos

Feed

comendo minha ex empregada negra peituda

Autor: Sexderm
Categoria: Heterossexual
Data: 06/09/2010 22:08:25
Nota 7.00
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Este conto q vou relatar aconteceu com uma empregada que voltou a trabalhar recentemente em casa depois de alguns anos afastada desta atividade.

Ela já trabalhou comigo na época em que eu era apenas um pré adolescente, eu tinha uns 13 anos mas nunca me senti atraído por ela, e éramos bons amigos.

Depois de uns anos que eu fiquei em outra cidade e ela trabalhando em outro tipo de serviço voltei pra cidade onde moro no interior de sp e ela saiu do emprego na industria que trabalhava e voltou a fazer serviço domestico enquanto não consegue outro emprego e como éramos amigos num dia ela veio me visitar sabendo do meu retorno.

Nesta visita aproveitei e a chamei para vir limpar minha casa que estava uma bagunça.

E no dia seguinte ela veio e foi ai que tudo começou, mas antes vou me apresentar como sou e como minha empregada é e vou chama-la de Nadia.

Eu sou um pouco alto 1,75, físico magro sem muitos músculos com barriguinha sarada (e todas as garotas adoram minha alisar barriga) branco de cabelos curtos pretos e olhos tb pretos e um pinto de uns 20cm (minha idade). Nadia tem 40 anos é negra um pouco mais baixa do que eu, cabelos e olhos pretos e por ser um pouco cheinha tem peitões e coxas bem grossas.

Nadia chegou para trabalhar e como sempre foi logo já estava na ativa, minha casa é um pouco grande e eu como trabalho em casa fiquei acompanhando ela durante seu serviço pela casa batendo papo, mas foi na hora que ela foi limpar os dois banheiros que o tesão começou, ela estava com um short curto jeans e uma blusinha frente única amarela que deixava um belo decote mostrando boa parte de seus peitões. Conforme ela ia lavando também foi se molhando e ai não agüentei e comecei a delirar de tesão vendo aquelas coxas negras e carnudas molhadas e brilhantes, seu decote também começou a ficar molhado, tive que me agüentar pra respeita-la, o dia passou e quando ela ia embora pedi que viesse no dia seguinte logo cedo passar minhas roupas.

Logo que ela foi embora corri pro banheiro e durante o banho bati uma punheta imaginando ela e tentando diminuir meu tesão, mas não adiantou muito passei a noite toda pensando naquele pedaço de carne que era ela.

No dia seguinte acordei por volta das 9h estava excitado de pau duro e fui tomar café, a cozinha de minha casa fica do lado da lavanderia e ouvi barulho, sabia que era Nadia passando a roupa,

Não me agüentei e olhando ela que estava de saia jeans e uma blusinha branca frente única amarrada no pescoço pela beirada da porta comecei stava excitado de pau duro nna do =ado da lavanderia e ouvi barulho, sabia que era nadia passando a roupaminuir =eu tes na horaa me masturbar, eu já estava pelado (durmo assim quando estou só em casa e era verão ainda) não dava mais pra aguentar como ela estava =istraída passando a roupa decidi ir por trás dela, e sem encostar nela dei bom dia e perguntei se ela ainda era casada, ela respondeu que já fazia um tempo que tinha se separado.

Nisso eu então encostei nela fazendo ela sentir levemente meu pau na sua bunda, ela assustada soltou o ferro falando que nunca tinha me dado liberdade pra aquilo e então antes que ela se virasse segurei a mãe dela na tabua de passar e me abaixando um pouco coloquei meu pau no meio de suas coxas e comecei a esfregar nelas.

Nadia pedia pra parar que ela me denunciava por abuso sexual, eu disse que só pararia depois de comer ela pois tinha ficado com tesão depois de vê-la molhada no dia anterior e sem esperar resposta dela desamarrei sua blusinha deixando com aqueles enormes seios de fora e comecei a aperta-los com gosto enquanto passava meu pau na bunda dela por debaixo do vestido.

Fui beijando seu pescoço enquanto apalpava seus seios carnudos e falando que queria comer a buceta dela e comecei a tirar a saia e calcinha minúscula branca que ela usava e já tava molhada de tesão. Sentei no chão e com meu pau totalmente duro pra cima ela abriu as pernas e foi sentando devagar em cima dele sentindo todo o tamanho e grossura.

Ela então começou a rebolar em cima dele com aquele bundão virado pra mim, com as mãos apoiadas em minhas coxas e a bunda arrebitada ela fazia movimentos circulares e pra frente e pra trás e gemia alto já falando que meu cacete era muito duro. Meu pau enxia toda a buceta dela de tão grande e grosso, e ela estava molhadinha de tesão.

Os movimentos aumentavam o ritmo e o calor também foi quando ela pegou o borrifador de água que usava pra passar e começou a se molhar toda =om ele, principalmente seus peitos, pedi pra ela virar de frente pra mim cavalgar forte em mau pau e quando virou enquanto ela cavalgava pulando no meu pau rapidamente com movimentos pra cima e pra baixo.

Meu tesão aumentava enquanto via ela se molhando, então segurei em seios enormes e comecei a aperta-los com força fazendo ela gritar de tesão e pular mais no meu pau e falando que tava gozando, eu apertava mais seus peitos molhados quando ela se debruçou sobre eu com seus peitos em minha cara, os quais fiquei chupando os bicos e lambendo enquanto passava as mãos nas suas coxas grossas e molhadas, ela disse pra eu não gozar que ela queria mais.

Nadia se levantou e ficou de quatro com as mãos apoiadas numa cadeira e disse que quando ela trabalha gosta de fazer bem feito e se era pra eu comer ela era pra fazer bem feito também e segurando e abrindo sua bunda pediu pra comer o cuzinho dela.

Aquele cu piscando pra mim deixou eu mais excitado e com o pau ainda mais duro, peguei o borrifador de água e molhei o cuzinho e toda bunda de Nadia e quando coloquei a cabeça na entrada do cu ela disse pra enfiar tudo de uma vez só sem dó, foi o que fiz, segurei meu pau e fui enfiando tudo sem para, o cuzinho dela ia abrindo devagar com meu pau grosso, até que quando estava com todo o pau dentro dela e senti meu saco bater na xana dela comecei o movimento de vai e vem.

Ela pediu pra eu fazer forte então segurei em sua bunda e comecei a dar estocadas fortes, forçando todo meu pau pra dentro do cu dela. Nadia masturbava sua xana enquanto eu metia nela com força, me debrucei sobre ela com o pau dentro de seu cu algumas vezes e segurava seus peitos apertando e apalpando com força enquanto ela gemia alto.

Ela pediu que eu metesse rapido e forte que ela estava pra gozar, então segurei em sua cintura e puxando pra trás comecei com toda força a dar estocadas fortes no cu dela que estava todo aberto e cheio com meu pau, enfiava até o fundo com força e rapidez, ela pedia mais e gritava de tesão falando que tava gozando. Eu já estava quase gozando também, mas ela falou pra eu não gozar ainda, então tirei meu pau do cu de Nadia que sentou na cadeira e começou a fazer uma espanhola, colocou meu pau no meio daqueles peitões molhados e me masturbava fazendo movimentos de vai e vem com meu pau entre seus seios macios logo depois segurou forte no meu pau e começou a chupar ele feito doida, eu não estava mais agüentando, ela enfiava o pau até a garganta e chupava até a ponta da cabeça, falei que não dava mais ela segurou ele forte de frente pra ela com a boca aberta e gozei enchendo sua boca de porra, ela enquanto engolia me masturbava mais fazendo sair mais porra sobre seus seios. Depois disso sentei exausto no chão enquanto ela se vestia e esfregava seus seios limpando minha porra e lambendo com vontade seus dedos.

Nadia então começou novamente a passar a roupa e eu fui deitar, acabei dormindo novamente e nem a vi indo embora. Agora é esperar por uma próxima vez.

Comentários

04/09/2014 19:19:37
Muito Bom! Bem excitante! Se alguma mulher (GG, Madura, Novinha, Magrinha) ou casal de SP se interessar por um negao divorciado de 39 anos, 1.87cm, 96kg e bem dotado, estou a disposição para amizade e algo mais, sem envolvimento Financeiro! meu whatsapp é ou skype: pablowillians36@live.com vou adorar manter contato e quero se possivel algo real!.
13/11/2010 23:07:28
Forçou. Nota 4
08/10/2010 10:30:41
gostoso seu conto,uma empregada assim é tudo de bom,manda ela para fazer um servicinho para mim tbm

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.