Casa dos Contos Eróticos

Feed

Meu filho me comeu no ônibus lotado

Autor: veve
Categoria: Heterossexual
Data: 21/01/2010 08:01:10
Nota 8.67
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Antes de contá esse relato;na verdade é um alívio guardo esse segredo já algum tempo mas primeiro vou me apresenta meu nome é Verônica tenho 42 anos 1,72 61quilos sou viúva alguns anos.

Tenho 1 filho chamado Paulo tem 23 anos estudante de Turismo sempre fomos muito ligados um no outro as vezes nos confundiam como namorados isso não nos encomodavam até brincavamos com a situação;em casa tinhamos muita liberdade um com o outro ele contava as transas que tinha com suas namoradas o que fazia etc..;No final do ano de 2008 pedi para ele me acompanhá até a Rua 25 de Março para fazer as compras de final de ano enfeites de Natal e outras coisas mais para a casa Paulo aceitou fomos nos aprontá vestí um vestido bem longo com decote na frente que deixava meus seios quase á mostra;confesso que gosto de me vestir assim bem sensual,mas naquele dia foi por causa do calor mesmo,então chegou a hora de irmos Paulo me olhou dos pés a cabeça dizendo:nossa mãe como você esta linda;agradecí sua gentileza peguei minha bolsa e fomos embora no trajeto até chega no ponto de ônibus os caras do bar ficaram me olhando feito"lobos" no mesmo momento que fiquei sem jeito estava gostando da situação mas quem não gostou foi Paulo de ver aqueles caras me olhando,chegando no ponto ficamos esperando o ônibus por uns 10 minutos chegando super lotado tivemos que entra se não iriamos esperar por mais tempo.

Entramos ficamos primeiro na parte da frente até que esvazia-se um pouco a nossa sorte o trajeto era um pouco demorado até que chegassemos na 25 de Março ficamos segurando nas barras de ferros do Ônibus eu na frente ele atrás de mim nosso azar é que cada ponto que parava subia mais gente então fomos para o fundo ficamos perto da porta de saída fiquei segurando no ferro do banco com a outra mão segurava na parte de cima,Paulo ficou do meu lado com o balanço do Ônibus seu pênis encostava toda hora na minha mão não demorou sentí que estava ficando mais duro;não falei nada fiquei com á mão dele quando olhei do lado vejo meu próprio filho admirando meus seios já soados por causa do calor que fazia no coletivo,olhei para ele com sorriso no rosto eu falei:são lindos não filho;ele ficou vermelho e disse bem baixinho no meu ouvido:muito.Ainda faltava muito para chegar na Rua 25 de Março a cada ponto que parava enchia mais,foi aí que tive que fica na frente dele novamente com o balançar do Ônibus sinto uma coisa dura cutucá minha bunda,olhei para trás vejo ele com sorriso maroto vermelho feito um pimentão mas não saiu de lá;confesso que isso já estava me deixando excitadissíma então resolví entra na brincadeira começei a rebolar bem devagar sobre o pau do meu filho que naquela hora iria rasgá o shorts que usava o que ajudava nossa brincadeira era o balanço do Ônibus.

Cheguei bem pertinho do ouvido dele e falei bem baixinho em seu ouvido:levante bem devagar meu vestido Paulo bem discreto levantou só a parte de trás sem que ninguém"acho" percebesse sentiu que eu estava sem calcinha"costumo ficá sem calcinha" se encaixou em mim seu pau ficou entre minhas coxas:Aquilo me fez sentí uma puta hoje falando só que no momento queria saber até onde iriamos com tudo aquilo.

Com os movimentos que fazia para deixa-lo mais excitado ele gozou entre minhas pernas se não tivesse usando o vestido seu esperma tinha voado até o rosto de uma garota de estava sentado sentí o vestido molhado deesperma ele até se segurou em mim tanto que tinha gozado ficou até tonto,olhei para ele disse:só isso,ele respondeu:pode metê na Senhora;mas naquela hora eu nao era sua mãe e sim uma puta que estava deixando o filho excitado pêla própria mãe;olhei para ele e disse:Já que perdemos todo o respeito vamos acabar de vez com isso,ele se prendeu em mim ficou realmente me encoxando até que senti seu pau ficá mais duro do que dá primeira vez sem falá nada pôs seu pau dentro da minha boceta nossa;tomei um susto quase gritei não só quase gritei que gozei na hora naquele momento as pessoas que estavam ao nosso redor já sabiam que estava rolando algo alí mas acho que eles pensavam que eram namorados e não mãe e filho.Paulo me fodeu por alguns minutos até que gozou dentro da sua própria mãe gozou muito mesmo quando ele tirou o pau sentí o esperma saindo da boceta escorrendo sobre minha virilia,guardou seu pau ainda duro dentro do shorts abaixou com cuidado meu vestido,eu ainda estava com tesão fiquei com milhares de pensamentos na cabeça.Só sei que quando chegamos na 25 de Março não olhei em seus olhos e nem falei com ele fiz bem rápido as compras quiéta.

Na hora de ir embora pegamos um taxi pois estava toda melada com seu esperma que ainda escorria pela minhas pernas tanto que tinha gozado,ele foi na frente eu atrás 30 minutos depois chegamos em casa eu fui para o banheiro tomei banho e resolvi ir até o quarto dele;Paulo estava deitado pensando no que tinha acontecido quando ele me viu só de toalha tomou um susto foi aí que eu tirei ficando nua disse:vamos termina o que começamos;Só sei que fiquei cega nos entregamos numa transa que nunca tive na vida ele me chupou eu chupei ele então trepamos feito dois loucos na cama dele,fizemos várias posições naquele momento me entreguei 100% ao meu filho que comeu até meu anús nossa como meteu,meteu,meteu trepando por uns 40 minutos direto sem párarmos para nada só sei que quando terminamos ficamos os 2 deitados quase mortos de cansasso na cama.

Depois dessa transa tivemos centenas de outras"Não sei se um dia Deus vai meu perdoá"Mas isso já está acontecendo quase há 2 anos todos dias e cada vez que transamos é melhor que anterior.OBRIGADA POR LEÊM!

Comentários

01/01/2014 20:09:19
mt bom
28/12/2013 21:41:04
Gente, Ela não soube narrar bem num português correto e exitante, enrolando tudo num saco de gatos. Mas deu prá entender a liberdade do tesão. Porém, acho que esse filho dela é meio "debilóide". Mas bom comedor.
13/10/2013 05:40:45
delicia
05/11/2012 10:54:13
Pode ser errado, mas meu pau ficou explodindo dentro da cueca...
23/02/2012 13:20:46
Muito bom parabens adorei o conto
04/07/2011 20:48:49
21/04/2011 18:01:12
Seu conto está muito excitante, Vê. Nada como uma rola dentro de um ônibus em movimento. E não ligue para as críticas. Nos meus contos, tive várias também. Se puder, leia eles. Basta clicar no meu nome. Bjs.
27/11/2010 22:10:43
foi muito bom vc é muito safada,gostei de +
23/04/2010 16:19:43
Olá parabéns gostei muito pode me add... cade-as-gordas@hotmail.com
04/04/2010 19:27:35
Oi Verônica, sou Solange, amei seu conto, parece verdadeiro e eu gosto de contos que me deixe de calcinha molhada e me faça tocar uma siririca, pois fiquei imaginando sendo em mim. Verinha vc ñ só me exitou como ganhou minha admiração. gostaria que me informasse os títulos dos seus contos para que eu leia todos e te de notas amei e guardei para ler sempre me e-mail é solangelopes35@hotmail.com beijos gata estou aguardando
08/02/2010 13:02:53
nossa maravilhos. fiquei de pau duro. queria uma maezinha assim. ( moreno.rj33@hotmail.com)
07/02/2010 09:45:58
Oh! "Veve", esta estória é inverosímel, primeiro seu filho entra num ônibus só de shorts? hehe, você com vestido longo num "púta" calor, e ainda por cima, sem calçinha? como diz um grosseiro, ignorante e idiota da tv: "me ajuda aí" Você poderia contar que ele te encoxou a viagem toda, você sentindo o páu duro dele na bunda, mas ficou quieta, e só de vez em quando, dava um sorrizinho maroto pra ele, e deixando a sacanagem pra quando voltassem pra casa!
25/01/2010 19:05:47
é ta bom
nep
24/01/2010 18:29:54
isso foi d+++++++++++++++++
22/01/2010 22:29:41
É mais ou menos excitante, pena que é uma grande mentira.. e mal contada.. Nota 5!
22/01/2010 17:06:41
muito exitante o conto .ruim foi com quem aconteceu.eu acho que ñ pega bem filhos e mãe .mais cada um com sua tara. parabéns pela coragem de postar.
22/01/2010 13:45:48
Exelente conto me add ai para conversarmos melhor maranatainformatica@bol.com.br
21/01/2010 21:13:00
sensacional
21/01/2010 21:11:15
bom conto!eu acredito q possa ser feito,pois ja fodi algumas vadias na epoca do ginasio (estudava a noite).gaucho.fmello@gmail.com
21/01/2010 20:38:53
se nao for mentira so pode ser doenca de loucos
21/01/2010 20:38:06
se nao for mentira e uma puta doenca mental
21/01/2010 19:18:49
cada um com suas mentiras...e o povo será que acredita?
21/01/2010 17:20:16
oi veronica gostaria de conhecer melhor adorei sua historia...me add ai no seu msn.... diogoportugal26@hotmail.com
21/01/2010 15:39:14
Fantasia é fantasia né?!!!
21/01/2010 15:02:51
Muit bom seu conto. Adorei a hstória e fiquei com o pau duro. Parabéns. Continue relatando as tranzas com o seu filho.
21/01/2010 14:45:18
Belo conto ... me deixou de pau duro.
21/01/2010 13:46:25
pois é, se o vestido fosse curtonao dizia nada, mas longo... sua bunda nao ficou p lado de fora nao...
21/01/2010 13:09:15
Gostei, embora é quase impossível meter em onibus mesmo lotado. Se esta carente entre em contato comigo e vamos fuder gostoso. Comigo não é pecado. bomamante@bol.com.br
21/01/2010 12:28:45
muito bom adorei meu msn e loiro302009@hotmail.com
21/01/2010 11:34:02
É cada coisa que eu leio,cada conto besta!Será que ninguém ia ver seu vestidão até os pés subir,á ponto do seu ''filho'' enfiar o pau na sua buceta?Vá á merda!!!
21/01/2010 08:04:36
gostei

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.