Casa dos Contos Eróticos

noite entra irmaos

Autor: carlinha
Categoria: Heterossexual
Data: 06/09/2009 12:31:41
Nota 8.00
Ler comentários (12) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Olá sou Isabelly (Belly)(ficticio), estou aqui para contar para vcs um caso que aconteceu em meados desse ano. Minha mãe é engenheira e trabalha nos EUA por isso só nos vemos em Dezembro, época de Natal Ano Novo e etc... Meu pai é empresário e recentemente abriu filiais em três novos estados, isso significa que ele tbm não para em casa sobrando eu e meu maninho Igor. Ele é um saco de tão ciumento era pior que o Papai. Reclamava quando eu ia sair com amigos se eu falasse em namorar então era briga na certa. Mesmo brigando bastante a gente se entendia e sempre víamos filmes juntos principalmente quando era de terror eu o apertava até a parte que me dava medo passar (mesmo tenho 18 anos eu tinha medo, e como o Igor era dois anos mais velho [20 anos] tinha que agüentar a minha unha, mas acho até que ele gostava). Numa noite de sexta feira, Igor insistiu que nós vencemos o filme no quarto dele (que tem um DVD e uma TV muito boa), o filme que ele alugou era de arrepiar qualquer um [JOGOS MORTAIS dois], já não gostando Do nome do filme peguei braço do meu irmão e joguei por cima de mim ficando posição de conchinha, chegando ao meio do filme percebi que meu irmão já estava dormindo, desligue a TV e estava dando a volta na cama para ir pro meu quarto, quando meu irmão segura no meu braço (quase morri de vez Né!?) “Você não quer dormir aqui não, Belly? Porque daqui a pouco você vai ter pesadelo e vai me acordar mesmo” Eu cheia de medo, do filme, teria mesmo pesadelo, então aceitei. Deitamos na mesma posição de antes “Conchinha”, mas só que dessa vez ele mesmo me abraçou, por conta própria, e meu deu um beijinho na nuca (que diz ele era de boa noite) que me deixou toda arrepiada. Não satisfeito, começou a passar a mão na minha cintura onde o braço dele estava jogado, e posicionou suas pernas entre as minhas, rosando aquele troço em mim (na minha bunda), mas tudo bem eu me contive, ele começou a subir a mão até chegar na altura dos meus seios acariciou, acariciou, acariciou até foi descendo parou a mão no meu umbigo e acariciou minha barriga, até que desceu a tentou por a mão dentro da minha calcinha (eu só durmo de camisola e calcinha) eu levantei da cama e estava saindo do quarto quando ele me olhou e perguntou “Aonde você vai Belly” e eu inocentemente respondi “pro meu quarto dormir” ele levantou da cama e veio até mim me encostou na porta “e você vai porque” e sem me deixar responder “só porque eu fiz um carinho de irmão em você?” e passou a mão na minha coxa. “Só porque eu vou te dar um beijinho de irmão” e beijo na boca o beijo mais longo que eu já recebi. Ai eu me entreguei, ele me pegou no colo me colocou deitada na cama dele ainda me beijando e deitou seu corpo quente sobre o meu roçando sua pica (incrivelmente dura) em minha coxa. Começou a acariciar a minha outra coxa (já percebi que essa é a parte que ele mais gosta em mim) encostando a pontinha do dedo na minha buceta, fiquei louca. Ele me beijava a boca o pescoço e foi descendo até que chegou na minha xaninha ele chupou tão gostoso que eu fiquei fora de mim e gosei na boca dele. Ele me beijou com a boca cheia da minha própria porra. Enquanto me beijava mexia dois dedos dentro de mim me levando a loucura. Massageando meu clitóris começou a Introduzir o seu pinto dentro de mim como era muito grosso ele teve que ir devagar. Os beijos que Igor me dava abafavam os meus pequenos gritinhos de dor, que (após uns dez minutos como aquela coisa dentro de mim) foram viram gritos de prazer. Ele urrava de prazer e falava que eu era dele que ele me amava e que eu ia ser dele pra sempre. De repente ele para e me bota de quatro tenta me enrrabar mas logo vê não dá e volta pra minha xaninha e fode ela de vez gosando lá dentro aquele liquido quente escorrendo em mim e ele lambia e me beijou a boca com sua porra dentro. Sentei na cama aí ele subiu e ficou em pé eu logo entendi o recado bati uma punheta pra ele. Mas não era isso que ele queria, ele queria um oral. Obedeci e fui chupando bem devagar ele me segurou pelos cabelos como se fosse um animal e começou a forçar como se fosse um animal, fiquei com um pouco de medo, mas gostei, depois de um tempo chupando ele e massageando meu clitóris eu e ele gosamos separados e caímos deitados dormindo nus como um casal de namorados.

msn:carlinharocha172009@hot...

msn do meu irmão:lrocha202009@hotmail.com

add nos dois pra que possamos trocar ideia bjo

Comentários

14/11/2010 16:18:00
ótimo conto, nota 10
24/11/2009 23:06:42
muito bom
07/09/2009 21:25:18
tem add a gente taradinha
06/09/2009 16:05:35
adorei, tem mais?
06/09/2009 15:19:43
vlw gente
06/09/2009 15:16:41
sensacipanl
06/09/2009 15:14:37
muitoooo booom
06/09/2009 15:02:14
Belly...vc está precisando de um homem estranho que a penetre legal e que a faça gozar numa pica....
06/09/2009 13:16:42
Q beleza heim! só ficaram nessa vez?
06/09/2009 13:10:09
gostei miuto
06/09/2009 13:08:51
Otimo conto incestao é 10 mas se prescisar de um h de verdade em sp manda mail sexonafuca@bol.com.br
06/09/2009 13:00:04
otimo conto, adoro trasas entre familia...

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.