Casa dos Contos Eróticos

Feed

Cadelinha no cio Parte 2 ( Fudendo a irmã antes das vizihas)

Autor: Jackson
Categoria: Heterossexual
Data: 21/08/2009 15:25:17
Última revisão: 24/08/2009 13:21:17
Nota 7.50
Assuntos: Heterossexual
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

(CONTINUAÇÂO CADELINHA NO CIO)

Eu voltei para casa e fui tomar um banho tomei café, e fui ver TV e só imaginando eu comendo aquela duas irmãs gostosas, eu tinha que conseguir uma desculpa em casa pra poder conseguir sair. nao demora muito e minha irmã casula chega da escola eu estava só de bermuda deitado no sofá assistindo Filme no TELE CINE PIPOCA, ela entra pro quarto sem fala absolutamente nada e depois volta com uma sainha bem curtinha e uma blusinha sem sutiã dava pra vê aqueles lindos peitinhos durinhos, vem em direção a mim e se senta no mesmo sofá que eu por eu ta deitado a sua bunda encosta em meu pau, ela se desbruça sobre mim e me beija e pergunta? vc ja almoçou.

com um sorriso na cara eu respondo; Já sim.

ela com aquele olha de safada fala voce nao quer comer mas nada nao maninho, eu percebe logo o que ela queria ela me olhava sorridente se torcendo toda no sofá pra poder o meu pau encaixa mas em sua bunda, eu responde destorcendo a conversa, quero mas nao agora estou bastante cheio... ela hum que pena se voce nao estivesse cheio voce ia me comer novamente como das outras vezes, eu ja querendo guarda energia pra quela noite que eu ter com as minhas duas vizinhas, disfarcei e falei: hoje nao maninha talvez amanha, ela meia tris disse: pela primeira vez voce diz nao pra mim eu aqui toda me oferecendo pra voce e voce diz nao, eu tou louca pra tranzar com voce maninho por favor come a minha bucetinha ela esta toda arrepiadinha loca pra que voce enfia esse pau nela... Eu ja de pau duro e quase atacando ela me contive e disse hoje nao posso enfiar o meu pau na sua bucetinha mas se voce quiser posso chupala até voce gozar em minha boca... meia sem entender nada disse tabom mas depois quero saber um porque de voce nao querer me comer hoje, ela se deitou em cima de mim e comesamos a nos beija enfiando a minha lingua na sua boquinha fazendo ela chupala minha mao foi descendo até chegar na sua bunda fui levantando sua saia até sua sentura pra sua bunda fica a mostra... ela esfregando aquela linda buceta em meu pau que nessa hora ja estava pra sair da bermuda, pede que ela se levantasse e sentasse no sofá... ela sentou e abriu sua pernas e deixou a mostra aquela buceta maravilhosa e sua calsinha entrando toda em sua bunda fazendo com que mostrasse a raxa de sua buceta, eu meio ja sem pensar fui tirando sua calsinha que ja estava toda molhadinha me abaixei entre sua pernas e comecei a passa a lingua nas laterais de sua bucetinha rosada, ela começou a gemer em voz baixa, enfiei a minha lingua toda em seu glitorios fui limpando todo aquele liquido meio salgado, fui chupando a bucetinnha de minha irmã ela... vai maninho chupa vai nunca sente um prazer tao grande como eu sinto por te, enquanto eu a chupava toda ela ia amaciando seus peitos fazendo com que ela gemesse mas, depois de uns 5 minutos que eu a chupava ela gozou em minha boca... o meu pau ja laterjando dentro da cueca ja nao aguentando de tanto tezão me levantei ela ainda sentada no sofá na quela posição pede que ela chupace o meu pau, sem pensar duas vezes ela da uma lambida bem na cabecinha vermelha do meu pau que eu quase gozei na quela hora mas me controlei, ela começou a chupar bem devaga se deliciando com meu pau eu segurava seu cabelo buchando e chamando a de safada, gostosa ela com a boca cheia com meu pau todo dentro ela falava... sou sou toda sua goza na minha boca gostoso, ela engolindo ele toda se engasgando começou a chupalo mas rapido e forte eu ja nao aguentando mas dei uma gozada na cara dela eu cai no sofá ja meio cansado, pela foda que tinha dado poucas horas antes, com uma das minhas vizinhas fiquei ale deitado olhando pra minha irmãzinha ela na minha frente e começou a limpar seu rosto com sua lingua e seus dedos ela entroduzia na sua bucetinha fazendo um jogo sensual, o meu pau mesmo eu esta cansado ele continuou ereto... ela tirou a sua saia ficando toda nua e subiu em cima de mim dizendo eu quero mas agora voce vai enfiar esse cacete enorme dentro da minha buceta, mas como eu ja tinha falado que hoje nao tentei revida dizendo que estava cansado ela sentou em cima de mim e disse, voce esta cansado mas o seu pau nao ele parece querer mas, com uma de suas maos ela segurou o meu pau e fui levando em direção a sua buceta, foi quando ela desce de uma vez fazendo um barulho.... shuloke.... e começou a rebola em cima de meu pau, ela rebolava e me olhava e dizia voce é só meu e mas de ninguem esse teu pau é todo meu e eu sou toda sua, vou cavalga nesse pau gostoso, ela começou a cavalgar eu ali meio cansado mas tambem nao queria para de fodela, nossa eu ja tinha comido ela umas duas vezes e nunca tinha visto ela da quele jeito, ela estava mas gostosa, eu vendo minha maninha pulando no pau me deixava cada vez mas exitado ela gemendo os seu olhos fechados parecia que ela sempre tinha sonhado em eu comendo ela da quele jeito sua lingua passeando pelo seu lindos labios carnudos, eu ja quase gozando pede pra ele se levantar me contive e passou a vontade de gozar coloquei umas de suas pernas no sofá e coloquei a na posição de quatro foi quando enfiei o meu pau todo dentro dela, ela pegou a minha mão colocou nos seus cabelos e disse puxa e me bate vai meu maninho gostoso, comecei a buxar seus cabelos e da umas palmadas bem forte, parecia que aquilo a deixava mas exitado ai comecei da umas estucadas forte, eu puxando com minha mão esquerda o seus cabelos e a direita dava umas palmas em sua bunda, ela gemia como uma cadela no ciu minhas estocadas cada vez mas forte, ja estavamos fazendo sexo selvagem percebe que era disso que ela gostava de sexo selvagem ai eu comecei a fazer todo aquilo que a deixava mas exitada, quando nos estavmos ali eu ja enfiando sem dó em minha irmãe ela gemendo bastante se retorcia toda pedindo mas e que nao era pra mim para, fui tirei o meu pau de dentro dela fazendo com que ela ficasse brava e fui passando na beirada do seu cuzinho... ela falando vai maninho gostoso enfia de novo esse pau na minha buceta foi quando eu dei uma estocada bem forte que ela deu um grito de prazer continuei com as estocadas depois de umas 20 estocadas em seguida ela gritou dizendo estougozandooooooo......aaaaaaaaaiiiiiiiiiiii.... que delicia eu tirei o meu pau todo melado de dentro da sua buceta ela se abaixou e deu uma chupada tirando a seu proprio esperma de meu pau, ela se deitou no sofá tipo posição papai e mamãe e fui pra cima dela e enfiei novamente o meu cacete nela eu ja nao estava mas nem ai se eu tinha que fuder minhas duas vizinhas na quela noite, eu só queria saber de comer minha irma... enfiei o meu pau na sua buceta e comecei um vai e vem, ela gemendo dizendo quero gozar novamente eu ali fudendo minha irmã depois de uns 3 minutos nos ali na quela posiçao eu gozei mas ela, nos se levantamos pegamos a capa do sofá colocamos na maquina e lavamos antes que nossa mãe ou alguem chegasse em casa, eu fui tomar banho ela entrou junto comigo no banheiro dizendo quero banhar com voce posso eu claro, ficamos ale debaixo do chuveiro se dando uns amassos, eu chupei sua buceta novamente e ela o meu pau mas nao chegamos a gozar, eu peguei fui pro meu quarto depois do banho e fui dormi, porque tinha que recuperar minhas energia pra quela noite...

Quando eu acordo ja era 20:30 da noite com minha irmã cassula me beijando e apertando o meu dizendo acorda maninho tu nao vai jantar, eu levantei meio espantado disse que, o q voce esta fazendo aqui nossa mãe ou alguem pega tu fazendo isso... ela sorriu e disse ta seu xato o dia pra mim ja foi bom mesmo e saiu sorrindo, eu levantei tomei um banho me arrumei e fiquei pensando como eu ia fazer pra comer aquelas duas, eu nao tinha mas força estava cansado apesar de ter dormido bastante, eu jantei e fiquei pensando, quando deu 22:00 minha vizinhas gostosas chegam eu estava vindo de colocar a comida do cachorro, elas me olham e diz sorrindo hoje a noite promete nao é jackson, eu abri um sorriso tambem e disse sim conserteza promete, elas abrem a porta e entram sorrindo, eu ja nao sabia mas o que fazer pra voltar as minhas força, foi quando ousso minha irmã mas velha falando pra minha mãe que, o namorado da amiga dela toma viagra pra poder o pau dele levantar, por ele ter broxado mas de 5 vezes com ela estava comedo por isso passou a tomar, logo veio essa ideia na minha cabeça eu me envolvi na conversa e disse aff, o muleke toma viagra, pra poder da prazer a namorada dele, minha irmã disse é mas nao vai fica comentando isso por ai... eu ta pode deixar, eu fui no meu quarto fiquei pensando se eu compraria ou nao... mais estava comedo di fica viciado, mas ja nao tinha mas tempo pra pensar muito pois ja era 22:30 faltava só meia hora pra mim ir pra casa das minha vizinhas..

(CONTINUA)...

Comentários

24/08/2009 17:20:41
o menino de sorte.
23/08/2009 20:38:20
É NOKO 2 é CLITÓRIS tá?
21/08/2009 15:57:31
Alôooooooooo...Não é cadelinha no ciu...É cadelinha no CIO.....E vc escreve o local do prazer máximo da mulher como "gritorios"?????????.....Que porra é essa meu? Não seria CLITORIS? É por essas e outras que só sua irmã que fuder com vc....rsrsrs...Nem vem que não vai pegar as vizinhas...Deixa elas saberem disso....kkkk

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.