Casa dos Contos Eróticos

Feed

Meu Primeiro Negão

Autor: NecSex
Categoria: Homossexual
Data: 17/07/2009 13:00:54
Nota 10.00
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia
Clique aqui para vídeos gay

Essa história aconteceu quando eu tinha 15 anos e todas as tardes transava com meu vizinho e amigo marcos, um rapaz loiro, alto, tímido e meio gordinho, mas com um pica deliciosa e apaixonado pelo meu cu (para entender melhor leia meu conto “Parte 1 – O inicio”).

Tudo começou quando o pai de marcos, que tinha uma casa na praia resolveu pintar a casa por dentro e por fora, mas como ele não tinha como ficar lá vigiando o pintor, pediu ao marcos que fosse, e ele muito esperto pediu para me levar. Eram férias do meio do ano, julho, a cidade estava deserta pois era fora de temporada. O pai do marcos combinou tudo com o pintor e disse a ele que qualquer imprevisto, era só falar com marcos. Deixou a gente lá e foi embora no mesmo dia no meio da noite. E de madrugada, marcos já me acordou querendo me comer o cu, eu é claro estava pronto. Ele me fodeu umas duas vezes e depois fomos dormir.

Pela manhã apareceu o pintor, seu nome era Téo, devia ser apelido. Um negão alto, magro, com cara de mau, mas gente boa, devia ter uns 30 anos. Ele fazia seu trabalho sossegado e no fim da tarde ia embora. Eu fiquei louco com o pintor, naquela época eu nunca tinha dado pra um negro, e até então só tinha transado com meninos da minha idade. Eu queria trepar com Téo, e o Marcos também, pois embora ele fosse mais ativo, tinha também muita vontade de experimentar um negão.

No quinto dia, Téo estava pintando a casa por fora, perto da janela do quarto de marcos, que fica no segundo andar. Foi então que eu tive uma idéia, chamei marcos pro quarto, tirei sua roupa, dei uma chupada rápida no seu pau e em seguida me coloquei de quatro na cama que dava de frente para a janela, e mandei ele meter. Ele metia forte, e eu gemia alto como uma puta e pedia:

-Me fode Marcos, me fode com o seu pauzão, me faz sua puta!!!!

-Ele me comia com força. Da janela, se Téo olhasse, poderia ter uma visão privilegiada da rola de Marcos dentro do meu cu. E foi o que aconteceu. Por um pequeno espelho, eu pude observar a cabeça de Téo nos espiando. Só foi embora quando Marcos gozou e começou a tirar o pau do meu cu.

No outro dia, Téo nos olhava diferente, e eu resolvi provocar. Nos fundos da casa tem uma piscina pequena, eu vesti um fio dental e me deitei lá bronzeando meu rabo liso e depilado, aumentando ainda mais a marquinha do meu biquíni. O negão que pintava lá na frente, a toda hora vinha atrás da casa pegar alguma coisa e me olhar, enquanto marcos ficava ao meu lado vestindo só uma sunga comum. A tarde, depois do almoço, fui pro quarto de Marcos, tomei um banho demorado, fiz uma lavagem anal, depilei todos os meus poucos pêlos, só deixando uma leve penugem loira descolorida em cima do pau, passei um bom hidratante, lubrifiquei meu cu, vesti uma calcinha pequena e fui deitar na cama fingindo dormir de lado com a bunda virada pra porta. Marcos chamou Téo com o pretexto de mostrar uma infiltração no banheiro de seu quarto. Quando Téo entrou, ficou perturbado com a visão de minha bunda, mas foi logo ao banheiro ver o problema. Na saída ele não resistiu e falou com o Marcos:

-Ontem eu vi você comendo seu amigo, que bunda linda ele tem. E ele geme como uma puta, será que eu tenho alguma chance com ele?

-É claro, ele ficou louco com você, vai lá e passa a mão na bunda dele.

-Ele veio e começou a me alisar a bunda, eu fingi acordar e ele falou;

-Oi querido!!! Quer brincar com meu cacete?

-Sem esperar eu falar,marcos abriu sua braguilha e tirou para fora um cacetão preto imenso, devia ter uns 22 centímetros. Hoje eu agüento vara deste tamanho numa boa,mas naquela época era iniciante. Marcos quando olhou o cacete falou;

-Você vai encarar? Eu vou só chupar.

-Marcos começou a chupar o pau do negão, e eu fui ajudando. Nossas línguas se encontravam, a gente se beijava e travava um duelo de língua no pau de Téo, que estava louco com a nossa chupada. As vezes, enquanto Marcos chupava o pau eu lambia o saco e depois trocávamos. Claro que ele não demorou para gozar e encher nossas bocas de porra. Bebemos tudo e nos beijamos enquanto ele descansava e olhava a cena, nos chamando de puta e vadia.

-Depois de um descanso, Marcos caiu de boca novamente no pau de Téo, enquanto ele chupava, Téo me colocou de quatro e passou a enfiar o dedo no meu cu e me preparar para levar seu pau. Depois de me abrir o cu ele ficou espantado como ele estava limpo dizendo:

-Que cu limpinho viadinho!!! Nunca comi um cu tão limpo, como você faz?

-Eu faço lavagem anal para ele ficar sempre limpinho e cheiroso!! Chupa ele chupa negão

-Téo caiu de boca na hora, ele chupava meu cu como se fosse uma buceta, com seus lábios avantajados de negro, me levando a loucura.

Depois de chupar bem o pau de Téo, Marcos se levantou e o colocou na portinha do meu cu, em seguida, abriu bem minha bunda e o negão foi entrando devagar no meu rabo. Eu duvidava que aquilo tudo ia caber em mim, pois assim que passou a cabeça senti uma dor forte e reclamei dizendo:

-Aí Téo, ta doendo muito meu cu!!!! Teu pau é muito grande!!!

-Fica quieto, você é viado, e viado tem que tomar no cu. Você hoje vai levar um pau de homem de verdade!!! Meu pau vai abrir seu rabo !!!! Depois de hoje, vai querer sempre tomar na bunda com um homem!!!

-Ele foi enfiando devagar, mas com firmeza, e rapidamente seu cacete preto estava todo atolado no meu cu. Senti seus pentelhos roçando minha bunda. Téo ficou umtempo parado dentro de mim para eu acostumar com seu cacete, el me lambia a orelha e me dizia coisas sacanas no meu ouvido para eu me excitar, coisas como:

-Tá sentindo meu pau todo no seu cuzinho? Daqui a pouco vai sentir só prazer, vai ser minha putinha!!!!

-Ele foi falando e iniciando um leve entra e saí do meu cu, aos poucos, a dor foi se transformando em prazer e logo eu já rebolava na piroca preta de Téo que falou:

-Viu? Eu não disse que você ia gostar? Já ta até rebolando no meu pau!! Isso putinha, rebola no pau do negão, rebola ordinário!!!!

-Eu rebolava no seu pau como uma puta e gemia muito, eu falava:

-Vai negão, mete na tua puta!! Que delicia de pau!!! Arromba meu cu, deixa ele arregaçado de tanta piroca!!!!

-Eu ia falando, e Téo ia ficando mais excitado e bombando mais forte. Eu gemia muito alto então ele pediu ao Marcos:

-Enfia seu cacete na boca desse viadinho, para ele parar de gemer tão alto!!!

-Marcos rapidamente obedeceu Téo, e enfiou seu cacete na minha boca. Assim eu estava cheio dos dois lados, eu rebolava no pau do negão e chupava o pau já conhecido do meu amigo. Estava virando uma verdadeira puta!!!

Como Téo já tinha gozado uma vez, ele pode castigar meu cu por um bom tempo. Meus joelhos começaram a doer e eu pedi para ficar na posição de frango assado. Foi só o tempo de Téo me virar e começar a bombar de novo no meu rabo. Marcos gozou primeiro eme encheu a boca de porra. Naquela posição, de barriga pra cima e de pernas levantadas, eu bebi tudo e ainda deixei seu pau limpinho. Vendo aquela cena e bombando mais forte Téo avisou:

-Vou gozar no fundo do seu rabo minha putinha!!!

-Assim que ele terminou de falar me encheu o cu de porra. Quando ele tirou seu pau, uma quantidade imensa saiu do meu rabo. Eu me levantei e fui tomar banho, meu cu ardia muito mas eu estava feliz, tinha conseguido levar no cu pela primeira vez com um negão e tinha adorado. E ele também. Marcos teve que ligar para o seu pai e dizer que a pintura ainda ia atrasar uns três dias. Forma três dias de muita foda, comigo levando pau de todos os lados.

Comentários

01/08/2009 14:25:05
paulo vc mora ond m add fabinho@aparecido.com
30/07/2009 04:21:17
que delicia ! quem quiser me comer , vih.preti.666@gmail.com
18/07/2009 12:19:29
até o amigo Diguboy,se ele permitir que eu o tenha como amigo leitor,eu nauum havia me ligado muito porque um cara que se diz filosofo nauum gosta de contos com negros pra mim ele é uma bicha frustrada por nauum ter fudida por nenhum negao. nota 10 pra vc Diguboy.
18/07/2009 01:46:37
Queria saber o porquê (considerando que o babaca do "otátio do caralho" não gosta de nada disso) se dedicar tanto a ler um conto só para criticá-lo. Não vai se fuder não cara
17/07/2009 23:21:38
vc so esqueceu de fala o teu nome mas se vc quiser é so marcar q eu tb quero te fuder todinho sua bichinha louca
MLK
17/07/2009 13:17:29
UFA CARA QUE DELICIA QUERO IR TAMBEM A ESTA FAZENDA

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.