Casa dos Contos Eróticos

anal c/ minha irmã

Autor: do abc
Categoria: Heterossexual
Data: 23/06/2009 12:48:42
Nota 9.67
Ler comentários (4) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Como escrevi no conto anterior tive minha primeira relaçao sexual com minha irmã Rita depois que ela foi morar na casa de nossos pais, e apartir deste dia passamos a ter varias relações uma mais picante do que a outra e em lugares nada comuns mas sempre tem uma que nos faz recordar mais.

Uma foi quando nossa mãe quase nos pegou em flagrante na casa de nossa avo que iria viajar e nos fomos ajudar a arrumar as coisas dela. Outra foi quando tive a primeira relação anal com minha irmãzinha safada (coisa que vim descobrir agora),tinhamos marcado um passeio ao zoologico só que neste dia nossos sobrinhos não puderam ir pois tenho mais dois irmãos que moram longe e entao pensei que esta acabado o passeio mas ela reafirmou que iriamos assim mesmo só nois dois. Quase tive um ataque de alegria pois sabia que iria rolar alguma coisa entre nos, ja que quase não nos amavamos mais devido a falta de oportunidade e tempo livre.

No dia combinado saimos cedo de casa e fomos ate o jabaquara para pegarmos a condução que nos levaria ao zoo ate ai nada de novidade, só neste momento ela recebe uma ligação de sua amiga Silvana dizendo estar triste e sozinha , ao me contar a historia pensei que tinha melado tudo, pois agora ela disse que iria a casa dessa tal amiga que eu não conhecia e era ali proximo. Chegamos e fomos recebidos por uma baixinha sardenta mas com um corpo de deixar ate padre louco pra possui-la ja me animei novamente, principalmente pelo traje que ela foi nos receber a porta somente uma camisolinha curta e bem transparente .

Ao me ver ela pediu desculpas e falou que não sabia que ela estava acompanhada de um homem tao gostoso e novinho, ai minha irma falou que eu era realmente um homem e dos que da conta do recado e riu, Silvana ja entendendo tudo abraçou minha irmã bem apertado e apos alguns segundos começou a chorar dizendo estar triste pois sua namorada uma galega de seios grandes a tinha dispensado. Eu fiquei só olhando as duas que ja abraçadas começaram a se beijar, mas era beijo de lingua com passadas de mao e tudo. Conforme elas iam se agarando eu ia ficando cada vez mais de pau duro ate elas ficaram nuas se beijando e se consolando do tipo : - vc é gotosa , bonita, um tesao e logo vai achar outro amor, essa sua buceta é quente e cheirosa logo vai ter uma boca aqui te chupando e te fazendo gozar, e eu ja quase gozando só de alisar o pau por cima da bermuda.

Nisso ela mudam de posição e fazem um meiade arrasar , com chupoes e dedadas que faziam ate barulho, as duas babavam e enfiavam-se os dedos ate que gozaram um gozo forte e ruidoso , Silvana foi se sentar no sofa ja que elas foram para o chão e minha irmã me chamou ate ela ,no que fui correndo, ai ela me tira toda a roupa e começa um boquete de quase me fazer gozar. Silvana fala pra minha irmã : - não se importem comigo fiquem a vontade que vou só assistir ( pois ela era lesbica e não gostava de rola), nesse momento minha irmã fica de quatro e fala pra mim não fazer força ou qualquer movimento pois eu ia ganhar um presente, sim um cú iria comer seu rabo que aos 22 anos era virgem assim como eu era aos 14 quase 15 sem conhecer buceta. Ela vem de 4 e encaixa minha rola no cuzinho ja todo lubrificado pelas chupadas de Silvana, e começa a esfregar a cabeça no seu botaozinho fechado que com as forçadas e esfregadas vai aos poucos se abrindo pra minha entrada triunfante , ao passar a cabeça minha irma pede pra mim ir com calma mas sem parar de empurar pois ela queria muito minha rola toda no seu cú. Apos entra cm por cm pois meu pau nao era grande mas grosso, tive que ficar parado ate o cú dela relaxar para começar um incrivel vai e vem , no qual tive um prazer imenso e minha irmã grita va que queria mais rola pra mim socar com força.

Neste instante escutamos um grito abafado era Silvana que gozava batendo uma siririca no sofa, eu ja tinha ate me esquecido dela, tamanha era a emoção de estar comendo um cú e o cú da minha irmã. Foram minutos de puro tesao naquela foda que nos levou a um gozo arrebatador, comigo enchendo seu cu de grossa porra . Depois ficamos conversando almoçamos e repetimos a foda com a participação de silvana so que com minha irmã o maximo que consegui foi chupar seus seios enquanto minha irmã chupava sua buceta.O bom é que nossas transas duraram mais dois anos, com participação de amigas e amigos de minha irmã.

Me escrevam vamos trocar relatos:- doabc38@hotmail.com

Comentários

03/08/2009 14:36:39
bom seu conto!! e que irma voce tem gostaria de ter uma irma assim
22/07/2009 13:43:49
bom demais
25/06/2009 01:44:35
muito bom seu cntos se der conta mais ae
24/06/2009 23:57:52
bom

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.