Casa dos Contos Eróticos

Feed

Amigo do papai

Autor: Freya
Categoria: Heterossexual
Data: 21/08/2008 20:34:45
Última revisão: 30/08/2008 13:11:38
Nota 9.10
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Tentarei resumir ao máximo a história do conto.

Essa é uma história real, e se passou há algum tempo atrás, entre outras que escreverei, foi uma muito gostosa.

Começarei me descrevendo.., tenho a pele branquinha e olhos e cabelos bem escuros.., quanto ao corpo, nunca tive do que reclamar, tenho coxas bem grossas e torneadas, bumbum bem grande e empinadinho e seios durinhos e gostosos, não são tão grandes, mas, enchem muito bem uma mão e uma boca!.., tenho uma barriguinha lisinha e um rosto muito bonito com aspecto angelical.

A história se passa no começo do ano de 2004 quando eu tinha 16 aninhos e fui passar as férias na casa do meu pai, como de costume.

Assim que cheguei na casa dele, meu pai disse que um casal de amigos tambem tinha ido visitá-lo e ficariam o fim de semana junto com a gente. Quando pensei que seria um fim de semana chato com visitas, me deparei com o Matheus, amigo do meu pai, tinha por volta de uns 35 anos, pele bronzeada, não muito malhado, mas em perfeita forma, e um rosto lindo. Eu estava de biquini pronta pra ir à praia quando nos conhecemos..., e percebi que ele me olhou de cabo à rabo (literalmente).., e só aquele olhar já me deixou toda cheia de tesão. Mas, foi nessa hora que conheci a esposa dele, Sabrina, que tinha por volta de 30 anos, magrinha de tudo.

Bom, fomos todos à praia naquele dia, e eu percebi que ele não tirava o olho da minha bunda, assim como eu nao tirava o olho daquele pau gostoso por dentro daquele calção. Conversávamos um pouco, e todas as conversas tinham um duplo sentido, uma brincadeira maliciosa, claro, que quando ninguém estava por perto.

A casa do meu pai não é grande e tem apenas dois quartos, um estava meu pai e a esposa dele, no outro ficaria o Matheus e a Sabrina, e eu, na sala. Fomos dormir.., tomei um banho e coloquei uma camisola bem transparente e curtinha, deixando um pedacinho do meu delicioso bumbum aparecendo. Quando saí do banheiro, esbarrei com o Matheus no correrdor, ele me olhou cheio de tesão e deixou com que o seu pau, já meio duro enconstasse "sem querer" na minha bunda. Não nos olhamos, mas, sentimos muito tesão.

Estava calor naquela noite eu estava dormindo sem me cobrir, e ouvi a porta do quarto dele abrir.. quando fui ver o que era, ele me disse que tinha ido tomar um pouco de água, porque não estava conseguindo dormir. Me pediu ajuda pra achar o copo, e quando me virei para pegar, ele me agarrou pela cintura e disse que não tava mais aguentando de tesão e sabia que eu também não estava. Me deu uma mordida no pescoço enquanto escorregava a mão pelo meu corpo.., me virei, ele me colocou sentada em cima do armário da cozinha e beijou minha boca com voracidade enquanto puxava meu cabelo. Coloquei a mão dele por cima da minha pequena calcinha e percebi que ele ficou louco. Ergueu minha camisola e tirou minha calcinha..e começou a chupar minha bucetinha bem gostoso.., cada vez que ele passava a língua eu achava que não ia aguentar, mas, tínhamos que ficar em silêncio, pois a esposa dele e o meu pai estavam dormindo.

Eu queria retribuir a gostosa chupada e me ajoelhei na frente dele, abri aquela bermuda, e comecei a passar a língua na barriga dele até chegar no pau. Não há nada que eu goste mais do que o cheiro de um cacete gostoso e colocar a boca nele. Passei a língua devagar pela cabeça do pau e fui chupando aos poucos até engolir. Passava o cacete dele no meu rosto depois engolia de novo. Aquele pau era uma delícia, grande, grosso, eu quase não conseguia colocar inteiro. Ficamos um bom tempo assim.., eu lambia ele inteiro, chupava e passava no meu corpo, pra ele sentir. Percebi que ele ficava louco de tesão, vontade.., ele me dava tapas na cara, puxava meu cabelo e aquilo só me deixava mais louca, até que eu senti aquele pau delicioso latejando e ele gozou muito na minha boquinha. Isso nos excitou ainda mais..., me pegou no colo e jogou no colchão da sala, entre os dois quartos, e disse que ia me fuder como ninguém me fudeu. Ele me colocou de quatro e mordia minha bunda enquanto enfiava o dedo na minha bucetinha, que a essa altura já estava quente e ensopada. Depois que ele tirava o dedo, eu fazia questão de lamber pra sentir aquele gosto sedento por pau, lambia o dedo dele com muita vontade e colocava de novo na minha bucetinha. Aos poucos ele colocou a cabeça do pau dentro da minha xoxotinha e enfiou até o fim bem devagar.., na hora eu senti que não tinha mais controle sobre o meu corpo, e ele começou a me fuder gostoso, com força, eu sentia aquele pau entrando e saindo, atiçando todos os meus sentidos. Nessa hora eu o sentei e subi em cima dele.., ele mamava nos meus seios durinhos e eu rebolava em cima dele, e eu gemia bem baixinho, só no ouvido dele. Foi quando ele começou a colocor o dedo no meu cuzinho, cada vez que ele fazia isso, eu rebolava mais e mais. Até que não aguentei e coloquei meu cuzinho bem onde ele queria, no pau dele. E sentei com vontade, e levantada devagar e descia, e ele conseguia ver o pau dele entrando e saindo, nessa hora ele disse que eu era uma vadia e ia me comer inteira.., me colocou de quatro de novo e meteu no meu cú enquanto enfiava o dedo na minha buceta.., eu já não aguentava mais de tesão, e de tanto gemer e gozei. Dei um gemido tão gostoso que ele gozou também. Exaustos, ele foi pra cama dele com a esposa e eu fui dormir.

No outro dia, não conseguíamos parar de nos olhar e esperar pela noite seguinte. Meu pai havia saído e a esposa dele estava no banho, foi quando ele entrou no quarto e me viu deitada na cama sem calcinha e passando os dedos pela minha xoxotinha.., a tensão por a mulher dele estar no banho, podendo chegar a qualquer momento, só o deixou com mais tesão.., ele subiu em cima de mim e lambeu meu corpo inteiro.., tirou o pau pra fora e com a outra mão, segurou meus braços e passou o pau na minha bucetinha, ele enfiou forte, gostoso. Me fudeu inteira e eu gemia um pouco mais alto..por estar ouvindo o barulho do chuveiro. Ele não conseguia me comer sem pensar em fuder minha bunda gostosa e logo me colocou de quatro e meteu deliciosamente no meu rabo..., chegou bem perto do meu ouvido e disse "é isso, que vc quer, né safada? Um pau te comendo".., eu me deliciava ouvindo aquilo e sendo fudida, estava ofegante, gemia gostoso, ele puxava meu cabelo e metia mais no meu cú, com mais força e rápido, minha bucetinha escorria de tão molhada. Quando eu fui gemer por ter gozado muito, ele tampou minha boca, disse que eu era a vadia mais gostosa que ele já tinha comido, e gozou gostoso na minha bunda.

O chuveiro desligou e eu sai do quarto. O fim de semana acabou e eles foram embora..., senti muita falta daquele pau me deixando louca., não nos vimos mais, porém, temos uma boa história pra contar.

Comentários

29/01/2009 11:02:38
muito bom seu conto,queria ser este amigo
11/10/2008 12:06:54
oi gata? vc ja fez o conto da sua 1° vez? se ja fez me fama ta, tou doido pra ver ele ta bjssss.
10/09/2008 17:48:41
Bom poderia ser melhor pois começou muito bom mas no meio pro final caio sensivelmente a qualidade da narrativa mas me deu muito tesão mesmo assim.
Kc
04/09/2008 20:32:00
Conto maravilhoso. Também quero ler a história da sua primeira vez. Vc deve ser uma delícia
31/08/2008 03:39:19
gostei muito,e-scosta@ig.com.br
31/08/2008 03:33:59
voçê é d+
30/08/2008 18:51:26
parabens pelo seu texto! quando vc escrever o seu cinto da sua 1°vez ñ me deixa de me avisa ta gata wallace5enator@gmail.com
30/08/2008 13:14:26
Obrigado. Ahh.., realmente a minha primeira vez é uma boa história. escreverei sobre ela e quero que vc leia, Ju. Kzet, obrigado, realmente, algumas frases estavam mal conjugadas.., mas, reli e acredito ter arrumado. Por mais que a gente preste atenção, smepre escapa alguma coisa.
ju
30/08/2008 00:18:44
meu anjo com 16 vc ja era tudo isso? hj entao... kero saber como e qdo foi a sua 1ª vez... Po favor ...julianoas33@hotmail.com
29/08/2008 13:57:07
Nossa, maravilhoso seu conto. Deveria estar entre os melhores do site. Alguns errinhos de português, mas nada que comprometa. Perfeito nota 10.000
26/08/2008 21:44:46
Me gusto mucho tu historia si quieres divertirte para luego poder contar conta conmigo

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.