Casa dos Contos Eróticos

Feed

COMENDO AS AMIGUINHAS

Autor: Xandim
Categoria: Heterossexual
Data: 24/06/2008 14:14:25
Última revisão: 16/07/2008 12:17:09
Nota 8.00
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Bom gente, sou novo aqui mas sempre fui leitor da casa dos contos, e me frustrava por não ter nenhuma história interessante para contar, até que ocorreu o fato que narrarei a seguir.

Sou carioca e estou morando no Espírito Santo a mais ou menos um ano e meio, sou casado e muito feliz com a esposa que eu tenho. Me considero um homem bonito, tenho 27 anos, sou loiro de olhos azuis, tenho um corpo normal e meu pênis mede cerca de 19cm...minha esposa também é uma bela morena com todos os requisitos que uma mulher brasileira deve ter.

Tudo começou quando fomos a uma festa, a minha esposa chamou todas as amigas que trabalham com ela, a festa era uma chopada e tinha bebida a vontade.Como sou casado e minha esposa é muito atenta, vou a essas festas para beber mesmo, não posso dar bobeira olhando pra todas as mulheres senão passo uns 2 meses ouvindo besteira. A festa foi rolando e bebemos muito, só que quando deu umas 3hs da manhã o estado da minha esposa era lamentável e suas amigas também não estavam nada bem. Como nós morávamos a duas quadras da festa, resolvemos ir todos para nossa casa. Duas permaneceram na festa e duas vieram conosco.Quando pisamos dentro de casa a minha esposa já não andava mais de tão ruim e ficou abaixada em um canto de cabeça baixa tentando se recuperar, enquanto isso as amigas foram tomar banho para poder melhorar um pouco também. Até então eu não pensara besteira nenhuma em relação as meninas, até que a primeira saiu do banheiro, ela estava com um baby doll vermelho emprestado de minha esposa, mas como ela é mais alta e tem mais corpo ela estava esplodindo o baby doll de tão gostosa, os seios dela estavam quase pulando para fora com os biquinhos durinhos pois acabara de sair do banho. Nessa hora meu pau ja deu sinal de vida e eu não conseguia parar de olhar para ela, mesmo com minha esposa naquele estado.A outra saiu do banho e estava mais discreta, mas estava gostosa também, com um shortinho bem largo e uma camiseta que deixava sua barriguinha perfeita de fora, fiquei louco de tesão com as duas mas eu sabia que não havia a menor chance de ter nada com elas.

Minha esposa cambaleou para o banheiro e trancou a porta, pelos barulhos percebi que estava vomitando, deixei ela em paz lá e fui arrumando os colchonetes em que ficariam as meninas. Como minha casa é bem pequena coloquei um no corredor de entrada que tem meia parede para meu quarto e o outro coloquei ao lado de nossa cama e fiamos batendo papo e já percebia alguns olhares safados delas, mas como havíamos bebido a libido delas estava meio alta. Passado uns 3 minutos a amiga dela abriu um pouquinho a porta do banheiro para ver se minha esposa estava bem e eu cheguei por trás para olhar por cima do ombro dela para poder ver também, nisso a amiguinha dela ja empinou a bundinha, que estava quase de fora no baby doll, e ficou passando pra cima e pra baixo no meu pau que latejava de tão duro. Eu coloquei a mão na cintura dela e aí já começou a brincadeira.

A minha esposa então entrou no chuveiro e a amiguinha continuava com a provocação, abaixava para esticar o lençol e colocava a bunda na minha cara, mostrando aquela calcinha minúscula que sua bunda engolia com facilidade, nisso a outra amiga já ria e falava que ela era maluca, mas estava gostando de toda àquela sacanagem.Minha esposa saiu do banho e eu entrei, quando saí ela ja estava desmaiada na cama e eu fui deitar. A delícia deitado ao meu lado no chão com aquela bunda pra cima descoberta propositadamente, mostrando aquela marquinha de biquini e seus pelinhos alourados. Não demorou muito ela virou de lado e ficou olhando pra mim com aquela carinha de pidona, esticou a mão e colocou no meu peito fazendo o carinho mais delicado que eu ja recebera, meu pau ja saía pra fora da cueca até que ela o agarrou com toda força como se quisesse arrancá-lo pra ela, preocupado olhei para o lado e minha esposa continuava desmaiada, a outra amiga estava olhando pra gente e rindo. A gostosa continuou agarrada no meu pau e eu ja estava passando a mão nela toda por cima do baby doll, até que não aguentei e soltei as alças dele fazendo com que na mesma hora seus seios pulassem pra fora mostrando aquela fartura de peitos com os biquinhos pequeninos e rosados como de uma adolescente, fui descendo a mão devagar e encontrei sua vagina ensopada como nunca havia visto, dava pra torcer sua calcinha, e ela estrameceu toda mostrando todo o tesão que estava sentindo.Rolei e cai em seu colchão, tirei toda a sua roupa e fui beijando cada uma parte de seu corpo, beijei seus seios e dava lambidas de leve, ela gemia baixinho querendo gritar , mas sabia que não podia.

Minha esposa fez um barulho e nos assustou, nisso a outra amiga fez sinal com a mão e nos chamou, pois aonde ela estava tinha meia mureta e ficava mais escondido, então ficamos nós 3 naquele colchão minusculo, sem medir consequências continuei chupando ela toda ate que ela gemeu mais alto e gozou. A essa altura a outra amiga ja estava de calcinha e começara a passar a mão em nós 2, enquanto a outra se recuperava do orgasmo eu tirei a calcinha da outra e comecei a chupa-la toda também, ela tinha uma buceta maravilhosa com os lábios enormes que preenchiam toda a minha boca, coloquei ela de quatro e fui colocando meu pau devagarinho, ela gemia de dor pois meu pau e bem grosso, mas logo entrava fácil, enquanto ela rebolava como louca a outra já recuperada passava a mão em meu saco, me fazendo ir às nuvens. Logo ela me tirou da amiga e pediu que eu enterrasse meu pau todo em sua buceta, o que prontamente atendi. Ficamos naquela até o sol raiar, tentei comer seu cú, mas ela gritava tanto que eu não podia correr o risco.

Depois da hora do almoço elas foram embora e na despedida falaram que nós nos veremos em breve, tomara que sim e poderei contar mais esta história para vocês. Espero que tenha gostado.

Comentários

15/09/2008 14:42:53
muito bom seu conto,sonho de todo homem comer duas mulheres,mande mais contos

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.