Casa dos Contos Eróticos

Feed

Um pauzão pra minha esposa

Autor: Paulo
Categoria: Heterossexual
Data: 01/04/2008 12:33:42
Nota 9.00
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Há algum tempo atrás li aqui o relato de um cara, que assim como eu, nunca tinha tido a fantasia de ver sua esposa com outro. Mas ele, por um motivo ou outro resolveu experimentar e disse que achou muito bom, que deu um tesão incrível e eu criei coagem e resolvi que também iria experimentar. A primeira conversa com minha esposa foi desanimadora. Eu praticamente desisti. Ela disse que eu estava louco, que eu não servia pra ser corno e outras coisas mais.

No entanto o acaso acabou me ajudando. Numa noite quando eu acabava de chegar do futebol com meus amigos e jantava com minha esposa, resolvi comentar um episódio que achei até engraçado. Disse pra ela :

- Alice, o pau do Mario, mole, é maior do que o meu, duro! – falei rindo.

Ela com um ar irônico e sarcástico respondeu:

- Ah é! E como vc sabe disso?

Percebi que ela insinuava alguma coisa e logo disse:

- No vestiário querida, tomando banho depois do nosso jogo. Todo mundo toma banho na frente uns dos outros.

Ela ficou em silencio por alguns minutos e de repente perguntou:

- Como assim....de que tamanho?

Demorei alguns segundos para saber do que ela estava falando e quando percebi que era sobre o pau do Mario me veio uma luz : era agora ou nunca. Então respondi:

- Só vendo com seus próprios olhos, vc tem coragem? – e ri.

Ela logo respondeu:

-Eu tenho sim, mas vc não teria coragem de deixar não é mesmo?

- Vamos ver. – Eu respondi ironicamente.

O Mario é um conhecido nosso casado, mas sem muita intimidade. Resolvi procurá-lo no dia seguinte e expliquei o que eu pretendia. No inicio ele ficou meio assustado mas consegui convencê-lo que seria uma experiência única e ele acabou aceitando e marcamos para aquela mesma noite. Nessa altura eu já estava ansioso.

Minha esposa é uma delicia. Uma moreninha de 1,65, 56kgs bem distribuídos, seios médios e durinhos e uma bundinha que não canso de admirar. Á noite quando cheguei, ela usava uma bermuda de lycra bem justa que dava até para ver a rachinha de sua buceta. Provavelmente sem calcinha, porque não consegui ver a marquinha.

Sentamo-nos na sala e ficamos conversando ,bebendo cerveja e petiscando, quando a campainha toca: era o Mario. Quando minha esposa viu que era ele ficou corada, provavelmente de vergonha e susto. Convidei-o para sentar e beber com gente. Minha mulher quase não falava nada. Depois de uns 10 minutos resolvi acelerar as coisas e disse ao Mario:

- Mario, como eu te disse a Alice esta super curiosa para ver o tamanho de seu paumostra pra ela.

Alice riu encabulada como se não estivesse acreditando no que ouvia. Mario então se levantou, foi até a frente dela no sofá e abaixou primeiro a calça e depois a cueca, quando saiu um pauzão mole para fora. Mas é bem grande mesmo. Meu pau duro mede 15 cms, o dele mole era, no mínimo, desse tamanho. Alice olhou encabulada para aquilo quando o Mario disse:

- Preciso da sua ajuda se vc quiser ver ele duro.

Nessa altura eu começava a ficar excitado.

Alice então olhou para mim com carinha de pidona e eu consenti com a cabeça. Ela então esticou o braço e segurou aquela rola e aproximou sua boca para mamar. Aquilo foi crescendo e inchando depois de alguns segundos e minha esposa quase nem consegue abocanhar a cabeçona toda. Alice estava descontrolada. Chupava, lambia, passava em seu rosto, abocanhava o que dava de novo. Nunca vi ela chupar com tanto prazer uma pica. Meu pau estava duro que nem pedra. Um tesão misturado com ciúmes que me fez tirar ele pra fora e me masturbar vendo aquilo.

Logo ela me olha e quase implorando pede:

- Deixa ele me comer, amor?

Então falei para o Mario ;

- Vai lá Mario, fode gostoso minha putinha.

Ela se levantou, puxou ele pelas mãos e foram para nosso quarto, nossa cama. Ela despiu rapidamente ficando peladinha e ele também. Ela já subiu na cama engatinhando e quando chegou no meio, abriu as pernas de quatro e chamou:

- Vem Mario, me fodequero esse pauzão todinho na minha buceta.

Mario se ajoelhou atrás dela, pincelou por alguns segundos seu pau na bucetinha encharcada da minha esposa e depois eu vi desaparecer cada centímetro daquela tora na buceta dela. Alice gemia descontroladamente e falava:

- Ai Mario, que pauzão deliciosomete tudofode gostoso

Mario a segurava pela cintura e mandava ver.

- Isso Marioassimfode

Ela então me olhou com uma carinha de puta safada e disse:

- Esta gostando corninho?era isso que vc queria??

Meu tesão era tanto que eu gozei na hora que ela falou isso. Mas eles continuaram fodendo.

Comentários

15/05/2010 16:50:54
Muito curto, mas excitante. casalsedutor69@hotmail.com
03/09/2009 20:02:56
q delicia humm gata_morena1983@hotmail.com
30/04/2009 11:27:23
ahhhhhiiiii gozei....
09/03/2009 10:35:25
A situação é deliciosa. E é sempre assim: díficil é elas cederem, mas depois que começam... Por isso sempre digo aos amigos que querem iniciar suas esposas: tenham certeza do que querem pois depois de dar uma vez elas não param mais, com ou sem o marido saber. Conheço muitas histórias.
28/08/2008 19:40:38
Gostei demais, pois também já tive a grande experiência de ver a minha mulher ser comida por outro.
11/06/2008 12:48:00
ACHO QUE O SEU DESEJO É TAMBEM O PAUZÃO DO AMIGO , VAI EM FRENTE NINGUEM VAI VER....
11/06/2008 12:45:55
ACHO QUE O SEU DESEJO É TAMBEM O PAUZÃO DO AMIGO , VAI EM FRENTE NINGUEM VAI VER....
01/04/2008 21:17:59
bom, o conto poderia se estender um pouco mais e dar mais detalhes mas o conto é bom se qyuser trocar experiências kasal.swing.rj@gmail.com
01/04/2008 14:14:32
Muito bom, Adoraria que fosse com minha esposa.. fico louco só em pensar nela trepando com outro.
01/04/2008 13:35:42
Bom, gostei, mas não consigo me imaginar só olhando,Adoraria conhecer sua esposavamos trocar experiências? fesincero@ibest.com.br

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.