Casa dos Contos Eróticos

Feed

Comi minha cadela Tula

Autor: Gagarin
Categoria: Zoofilia
Data: 03/08/2006 08:57:39
Nota 9.50
Assuntos: Zoofilia
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

PODE PARECER MUITA MALUQUICE. O CERTO É QUE EU SEMPRE TIVE QUEDA POR CADELAS. FICAVA EXCITADO AO VER CÃES TREPANDO E PENSEI DIVERSAS VEZES EM PEGAR UMA CADELA E COMÊ-LA.ISSO SE TRANSFORMOU EM PARANÓIA, DOENÇA MENTAL, SEI DISSO - SÓ QUE AGORA, COMO MESMO E TÁ ACABADO.

TINHA UNS 14 ANOS QUANDO CHEGOU ESSA CADELA LÁ EM CASA. ERA FILHOTE DE UNS TRÊS PARA QUATRO MESES. EU FICAVA EM CASA NA PARTE DA MANHÃ SOZINHO. ESTAVA DORMINDO NO SOFÁ DA SALA E TINHA COMIDO BISCOITO DOCE E ESTAVA CHEIO DE FARELO NO MEU SHORT. DE REPENTE,SENTI UMAS LAMBIDAS NA MINHA PERNA E NO MEU PAU QUE ESTAVA DURO - COMO TODO BOM MENINO SABE À ESSA HORA DA MANHÃ - E OLHEI COM SUSTO E VI TULA LAMBENDO-ME. NO INÍCIO FIQUEI COM CERTO NOJO MAS, TAVA GOSTOSO AQUELA LÍNGUA - DE FÊMEA - EU PENSEI. PUXEI O PAU PRA FORA E A CADELA LAMBEU COM GULA O LÍQUIDO LUBRIFICANTE QUE SAÍA DO MEU PAU. PUXEI O QUADRIL DA CADELA PARA O MEU LADO E ELA ESTAVA COM O RABO LEVANTADO... COMECEI A ESFREGAR OS DEDOS NA SUA BUCETINHA.... ELA GOSTOU!LEVANTEI RAPIDAMENTE E PEGUEI UM POUCO DE MEL NA GELADEIRA E ESFREGUEI NO PAU E NO SACO... AÍ A CADELA FICOU MALUCA - LAMBIA FRENETICAMENTE E NÃO AGUENTEI - GOZEI NA CARA DELA. ELA LAMBEU TUDO - ME OLHAVA COM UM OLHAR DE PEIXE MORTO... COMO QUE AGRADECIDA PELO QUE FIZ.... DE VEZ EM QUANDO, FICAVA ALIZANDO A BICHINHA.... LIXAVA BEM AS UNHAS DAS MÃOS E SEMPRE INTRODUZIA UM DEDO NELA. POUCO A POUCO FUI COLOCANDO DOIS,,... DEPOIS TRÊS DEDOS... PASSAVA MEL NA SUA BUCETINHA E ME DIVERTIA VENDO ELA LAMBER FRENETICAMENTE... SEM SABER, ESTAVA FAZENDO A CADELA GOSTAR DE SE MASTURBAR E FICAR INTERESSADA POR SEXO ALÉM DO PERÍODO DO CIO. NO PRIMEIRO CIO DA CADELA, ELA FICAVA QUE NEM DOIDA. ENGRAÇADO QUE AUQNDO TINHA ALGUÉM ALÉM DE NÓS, ELA FINGIA QUE NÃO TAVA NEM AÍ. PARECIA TER UMA PERSONALIDADE... NÃO SABIA AO CERTO QUEM USAVA QUEM POR ALI. UM DIA, MEUS PAIS IRIAM PASSAR TRÊS DIAS FORA DE CASA. PERGUNTARAM SE EU NAÕ QUERIA FICAR NA CASA DE MEUS TIOS - DISSE QUE DEPOIS IRIA PRA LÁ. FOI AÍ QUE NAQUELA TARDE, DEI UM SENHOR BANHO EM TULA - ELA ESTAVA NO CIO... SHAMPOO, CREME RINSE... PERFUME... ENSABOAVA MUITO SUA XOXOTINHA.. ELA SE DERRETIA TODA... À NOITE, LEVEI-A PARA MEU QUARTO E DEPOIS DE UM JANTAR ROMÂNTICO, COMECEI A BULLINAR SUA XEREQUINHA. ELA LEVANTOU O RABO SUA BUCETA ESTAVA INCHADA E BEM MAIOR DO QUE O NORMAL. ALÉM DISSO, ESTAVA QUENTE E MUITO LUBRIFICADA. PEGUEI O MEL E UM POUCO DE VASELINA E LUBRIFIQUEI TODO AQUELE TRAZEIRO. ELA TREMIA AS PERNAS PARECIA TÃO EXCITADA... MEU PAU JÁ ESTAVA DE FORA E PASSEI MUITO MEL... PRONTO A CADELA DAVA PULOS DE FELICIDADE... ME LAMBIA E VIRAVA-SE DE COSTAS... BOTEI DOIS DEDOS E ELA LEVANTOU O RABO... BOTEI MAIS UM DEDO NAQUELE BURACO QUENTE E MOLHADINHO E ELA UIVAVA BAIXINHO COMO SE CHORANDO ESTIVESSE PERDENDO SUA VIRGINDADE PARA SEU MACHO. SEGUREI SEU QUADRIL E SENTEI-ME EM UMA ALMOFADA ALTA PARA NÃO ME CANSAR E COMECEI A ENCOSTAR MEU PAU NAQUELA BUÇA ROSADINHA E QUENTE. QUANDO A ABEÇA ENTROU, ELA OLHOU PRA TRAS E PARECIA QUE PISCOU PRA MIM... COMECEI A ENFIAR DEVAGAR, ME DELICIANDO COM CADA CENTÍMETRO. ACARICIAVA AS PARTES DE TRÁS DE SUAS PERNAS - ESSA É A ÁREA MAIS SENSÍVEL DA CADELA NESSAS ´´EPOCAS... ERA UMA DELÍCIA SENTIR AQUELE CALOR E EU ENTRANDO EM TULA... FUI BOMBANDO DEVAGAR PARA ELA NÃO SE ASSUSTAR E NEM SENTIR DOR. SENTI UMA UNMIDADE MAIOR DENTRO DELA COMO SE ELA TIVESSE GOZADO E EU NÃO AGUENTEI E GOZEI. AO TIRAR O PAU DELA, ELA VEIO E ME LAMBEU LIMPANDO TUDO. DEPOIS FICOU LAMBENDO A XOTA ARROMBADA... DE MADRUGADA, DEITADO, ELA COMEÇOU A ME LAMBER DE NOVO...CLARO QUE EU TAMBÉM QUERIA. MESMO NÃO SENDO UMA POSIÇÃO NATURAL, DE BARRIGA PARA CIMA, PASSEI MUITA VASELINA E ENFIEI DENTRO DELA COM CUIDADO DE NÃO APERTAR DE ENCONTRO A CAMA. FIQUEI CANSADO MAS VIQUE ELA ESTAVA DELICIADA COM AQUELA POSIÇÃO. E LAMBIA MINHA ORELHA COMO SE ME BEIJASSE. DEI UMAS ESTOCADAS MAIS FORTES E ELA GEMEU DE DOR. SEM TIRAR DE DENTRO, EXPERIMENTEI GIRAR O CORPO E FICAR AMBOS DE QUATRO, FINGINDO ESTAR ENGATADO - FOI DIVERTIDO. GOZEI DE NOVO. ACHO QUE A PENETREI UMAS SEIS VEZES NAQUELE FINAL DE SEMANA.... OUTRA HORA CONTO MINHAS OUTRAS AVENTURAS...

Comentários

Neo-BH
05/08/2006 19:12:43
à partir de então, vc comprou um belo colar pra vc, um par de argolas cor de ouro, casaram-se e viveram felizes para sempre na casinha de cadela dela. Fala serio!
Carlos
03/08/2006 16:32:30
Você deve estar doente para ter escrito tudo isso, só pode...
tedi
03/08/2006 14:24:37
Que história mais doida,Mas foi bem legal
thiago
03/08/2006 09:51:48
doente.....vc so pode ser doente..nem vo falar nada vai tomar no cu
Sergio-DF
03/08/2006 09:37:02
Cara, o seu conto passou de ridículo para cômico, PUTA QUE PARIU, vai mentir assim lá NA CASA DO CARALHO, só faltou vc dizer que depois de tudo isso, vcs deitaram bem juntinhos fumaram um cigarro, aí vc perguntou...Foi bom para vc???..Ela respondeu.. Foi ótimo...Era o início de um amor platônico e sempre que vc saia, estava de "patas" dadas com a cadela e foram felizes para sempre...VAI TOMAR NO CÚ..."NOTA 0"..

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.