Casa dos Contos Eróticos

Feed

Estupro?

Autor: Bruno
Categoria: Homossexual
Data: 05/02/2006 02:08:51
Nota 10.00
Assuntos: Homossexual, Gay
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Bom com de costume sou branco, olhos verdes,boca carnuda, bunda redondinha, cabelos pretos, sempre fui educadinho de mais, mas acho que no começo não era gay, mas sempre chamei atenção. Morava num sítio e la os homens eram brutos, rudes mas gente boa...

Num certo dia estava com um desses homens, vou chama-lo de Pedro buscando os cavalos , quando ele me pergunta se gostava de homens, eu espantado respondo que não e com um jeito meio triste pergunto por que? Ele me diz que todos me achavam atraente e que ficavam imaginando minha bunda... Eu tento reclamar, mas fico vermelho e sem graça. Acho que esse foi meu erro ele me segura pelos braço e diz: "você vai dar esse cuzinho pra mim hoje" eu tento sair mas ele é mais forte um mulato de 1,77m de uns 34 anos com a barba por fazer , mãos fortes me segura forte e começa atentar me beijar eu digo que vou gritar ele diz que ninguém vai me ajudar e que se eu não facilitar seria pior. com uma mão segura minha bunda , eu peço que não continue que ele estava entendendo tudo errado ele não me escuta me vira de costa e sinto seu pau duro, vou ser verdadeiro não era grande como se le nos contos era um pau normal, meio grosso não muito grande.

ele me deita e começa a tirar meu short eu mais uma vez tento sair , mas não consigo , ele mi vira de frete pra ele fica deitado em cima de mim me beija e diz que eu sou melhor que muita menina , tira sua camisa sinto seu peito com poucos cabelos encosando em mim, ele todo suado enfia a mão na minha bunda procura meu cuzinho ainda virgem enfia um dedo e vejo em seu rosto seu prazer, ele desce sua bermuda e na posição frango assado sinto que ele começa a tentar me possuir, mas não consegue eu meio nervoso e com medo tento conversar pedir para parar mas ele cala minha boca com um beijo, nisso ele levanta minhas pernas, cospe na mão esfrega no meu cuzinho eu parado, minhas pernas estão pra alto ele mira o pau no meu cuzinho esfrega toda sua volta e força , sinto ele me invadindo, eu grito ele não para, e a cabeça entra toda dentro de mim ele nesse momento colaca seu peso em cima de mim me beija e força mais uma vez .

Pedro se deita sobre meu corpo sem tirar seu pau de dentro de mim me fala alguma coisa como sou gostoso e que vai me comer muito.

e começa a bom bar dentro de mim, me fode com força sinto seu pelos pubianos na minha bunda. Me vira fico de barriga pra biaxo ele chupa minha bunda sinto a lingua dele no meu cuzinho ele diz que sou gostoso suas mão abrem minhas nadegas, e sinto seu pau novamente entrando dentro de mim ele me segura forte pela cintura, me come cada vez mais rapido me coloca de quatro e me da cada estocadas que sinto dor, tesão não sabia o que sentir, ele sem uma palavra aumenta a força e sinto meu cuzinho inundar , era uma mistura de dor , ardencia, e até prazer ele havia gozado muito dentro de mim. eu de quatro com um homem todo suado com seu pau todo dentro de mim e sentindo seu pau pulsando porra dentro de mim.

Ele joga todo seu corpo em cima do meu eu relaxo e deito no chão com Pedro em cima de mim, até que le tira o pau de dentro de mim e diz, quero vc mais vezes, eu sem saber o que dizer concordei, sentia a porra daquele homem saindo de dentro de mim meu cuzinho aberto ardendo, mas no fundo eu estava feliz. Nunca mais dei pra ele fui morar na cidade devido aos meus estudo e ele nao esta mais no sítio. Porém nunca mais tive coragem de contar ou sair com outro homem, embora sei que sinto tesão em homens. Isso me aconteceu quando tinha 16 anos hoje tenho 27 anos.

Comentários

Alguém
01/03/2006 17:00:28
Viva os gays, morte às lésbicas, aquelas porcas...
SANDRA
20/02/2006 15:36:21
ANTI-AGY, TENHO CERTEZA VC E UMA LESBICA NAO ASSUMIDA...RELAXA MULHER...SEJA VC MESMO...SEJA FELIZ....
Reginaldo Gadelha
07/02/2006 17:40:37
Me senti como na minha primeira vez embora o cara que me comeu tinha um pau enorme
Anti-gay
07/02/2006 02:55:27
Melhor do que ser uma lésbica.
07/02/2006 02:36:41
Ah, e pra quem não sabe eu sou a Gabriela Souza Nunes, a puta de São João del Rei. A minha buceta leprosa é famosa na cidade.
anti-gay
07/02/2006 02:22:55
Não se deve embelezar nem desculpar os gays: ele travou uma guerra de morte contra este tipo de homem superior, renegou todos os instintos fundamentais deste tipo e desses instintos destilou o mal, o negativo - o homem forte como tipo censurável, como proscrito.
anti-gay
07/02/2006 00:55:45
A impotência que não usa de represálias em "bondade"; a baixeza temerosa em "humildade"; a submissão àqueles que odiamos em "obediência". O caráter inofensivo do fraco, o próprio desleixo, de que está abundantemente provido, o fato de deixá-lo à porta, de ser inelutavelmente obrigado a esperar, aqui são designados com denominações elogiosas, como "paciência", gostam de chamar isso também de virtude; sua incapacidade de vingar-se se chama vontade de não se vingar, talvez até mesmo perdão (pois não sabem o que fazem - só nos sabemos o que eles fazem!). Fala-se também do "amor aos próprios inimigos"
piauiense
06/02/2006 21:02:23
amei o seu conto eu queria que fosse eu no seu lugar
ANATOLIA PISAROVIC
06/02/2006 02:21:36
Eu sou judia.
DALIBOR STANKOVIC
06/02/2006 01:32:30
Adoro um pau no cú.
Reginaldo Gadelha p/paulo
05/02/2006 11:56:58
Vce quis dizer moreno naum e pobre analfabeto
DALIBOR STANKOVIC
05/02/2006 11:56:03
EU ADORO UMA XOTA
Denilson
05/02/2006 08:30:25
Gostei do seu conto e queria trocar uma ideia contigo,pois estou na mesma situação sua, muito tempo sem ter nada com ninguém. denisantos@click21.com.br.
Reginaldo Gadelha
05/02/2006 04:44:53
Vc gritou ms não gritou alto, concordas? E nunca mais deu pra outro cara? Me engana que eu gosto.
paulo
05/02/2006 04:31:04
cara se vc quiser sou um mareno 170 e 17 cm de pau
paulo
05/02/2006 04:30:58
cara se vc quiser sou um mareno 170 e 17 cm de pau
max
05/02/2006 02:59:32
sua historia foi otima deve ter sido gostoso negatinho beijo
Augusto
05/02/2006 02:42:01
O seu conto está bom, porém poderia ter feito um relato mais emocionantes.
DALIBOR STANKOVIC
05/02/2006 02:34:55
Adoro enfiar um supositorio bem grande no meu cu relaxado.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.