Casa dos Contos Eróticos

Feed

AVENTURA DE UMA MULHER CASADA

Autor: Fernanda
Categoria: Heterossexual
Data: 15/10/2005 14:09:05
Nota 7.73
Assuntos: Heterossexual
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Meu nome é Fernanda, tenho 26 anos e sou muito bem casada há dois anos e não tenho filhos. No ano passado, como estava desempregada, resolvi fazer um curso de informática para melhorar o meu currículo. Entrei então em um curso, o qual freqüentava 3 vezes por semana.

As aulas eram dadas com os alunos usando o computador o tempo todo, em duplas. As duplas foram formadas no primeiro dia de aula e seriam as mesmas até o final do semestre. Eu me sentava junto com um senhor chamado Geraldo, que devia ter entre 45 e 50 anos, era casado, tinha dois filhos, era barrigudo, careca e com um bigode. Ele não me atraía nem um pouco, mas era um colega de classe muito bom e se vestia muito bem também, pois era um empresário.

Certo dia, no intervalo da aula, eu resolvi que não sairia da classe como de costume, pois queria ficar treinando os exercícios no computador. O Geraldo, que depois de muita insistência conseguiu me fazer chamá-lo de você e esquecer o "senhor", disse que iria ficar também. Todos saíram para o intervalo de 30 minutos e ficamos somente nós dois na sala. Estávamos fazendo o exercício quando ele perguntou onde eu havia comprado o tamanco que eu estava usando. Eu disse o nome da loja e perguntei por que ele estava perguntando. Ele disse que havia achado muito sensual e que queria comprar um igual para a namorada dele. "Namorada??!! Mas você não é casado?" eu perguntei espantada. Ele respondeu que era casado mas que tinha uma namorada e que isso não era nada de mais. Eu achei engraçado. Então ele continuou e perguntou se o tamanco não machucava os pés ou deixava marcas. Não sei o que me deu na hora, mas eu tirei o pé do tamanco e coloquei em cima da perna dele e falei para ele mesmo verificar. Ele pareceu surpreso e segurou o meu pé na mesma hora. Ele segurava e meio que fazia um carinho de leve no meu pé. Então ele disse que já tinha reparado que eu tenho os pés muito bonitos, mas que agora estava vendo que eram muito macios também. Eu notei que crescia um volume no meio de suas pernas enquanto ele segurava o meu pé. Não sei por que, mas eu gostei da situação.

Na aula seguinte eu, que já sabia o seu ponto fraco, resolvi brincar um pouco com ele. Não sei por que eu queria fazer este tipo de brincadeira, pois ele não me atraía nem um pouquinho, mas a situação era legal. Pintei as unhas dos pés de vermelho, coloquei uma sandália bem sensual e um anelzinho no dedo. No intervalo eu disse que ficaria na classe de novo, e ele, sem pestanejar, também quis ficar. Quando todos saíram eu comecei a provocá-lo. Eu disse que estava muito cansada, pois tinha andado o dia inteiro e meus pés estavam me matando. Ele pegou a deixa direitinho: ofereceu-se para fazer uma massagem nos meus pés. Tirei então uma sandália e coloquei o pé em cima da coxa dele, com a minha perna dobrada. Eu estava usando mini saia e ele deve ter tido uma bela visão da calcinha vermelha de renda que eu estava usando. Ele começou a massagear o meu pé e eu relaxei e me reclinei na cadeira, fechando os olhos. Ele passava o dedo dele entre os meus dedinhos, segurava um por um e, de repente, caiu de boca no meu pé. Eu abri os olhos e perguntei espantada o que ele estava fazendo, e ele, meio sem graça, disse que aquilo era ótimo para tirar a tensão. Fingi que acreditei e voltei a me reclinar e fechar os olhos. Ele então passava a língua entre os meus dedinhos, chupava um de cada vez, lambia a sola do meu pé. Eu fingia que estava relaxando e deixava as minhas pernas se abrirem um pouquinho mais, deixando ele ver a minha calcinha. Eu estava molhadinha, apesar de não sentir atração nenhuma por ele. Ele então pegou o meu pé e o levou até o seu pênis. Eu não acreditei no abuso, mas continuei de olhos fechados, como se estivesse dormindo. Ele esfregava o meu pé no pau dele; estava praticamente se masturbando com o meu pé. O sinal tocou e nós voltamos ao normal. Nas aulas seguintes fingimos que nada tinha acontecido.

Um mês depois ele veio com uma outra conversa. Ele, que era empresário, disse que tinha que ir em uma festa muito chique com outros empresários e que iria contratar uma garota para acompanhá-lo. Eu perguntei por que ele não levava a esposa ou a namorada. Ele disse que a esposa não iria impressionar os outros e que a namorada iria ficar se achando a "dona do pedaço" e ele não queria isso. Eu perguntei onde era a festa e ele disse que era em uma mansão em São Paulo. Ele viu o meu interesse e perguntou, na maior cara de pau, se eu não queria ir com ele. Eu não acredito, mas eu falei que topava.

No dia, eu disse ao meu marido que iria a uma festa com o pessoal do curso. E mais, disse que era em SP e que talvez ficasse na casa de uma amiga, pois talvez acabasse muito tarde e talvez tivéssemos que ficar por lá para não pegar estrada com sono.

No dia da festa, fui até o escritório do Geraldo, pois sairíamos de lá. Ele me pediu para entrar e me deu um presente. Era um vestido lindo. Ele disse que era para eu ir com ele. Então eu fui colocar o vestido. Era lindo, de seda, super decotado, deixando meus peitos bem à mostra. Não dava para usar sutiã, pois as costas ficavam de fora e, como era de seda, marcava muito a calcinha e não dava para usar calcinha também. Depois me deu outro presente: uma sandália super sensual, de amarrar, até a canela. Então ele me deu um terceiro presente: era um anelzinho para o dedo do pé, com um brilhante, que ele fez questão de colocar, dando uns beijinhos no meu pé. Eu fiquei muito feliz com os presentes que agradeci, dando um beijo no seu rosto. Ele disse que dali em diante eu estava fazendo papel de namorada dele e não deveria mais beijá-lo no rosto. Entrei na brincadeira e dei um beijinho rápido na boca.

Fomos para a festa e lá ele se fez em cima de mim. Usou e abusou. Todos notaram a minha presença e ele aproveitou para parecer o garanhão. Colocava a mão na minha bunda. Beijava o meu pescoço, ficava mexendo no meu pé, passava a mão nas minhas pernas. Os meus peitos eram a atração da festa, pois estava friozinho e eles estavam arrepiados, além de estarem praticamente à mostra. O abusado do Geraldo chegou a passar a mão neles. E eu ficava fingindo ser a namorada apaixonada. Ele aproveitava e me roubava beijos apaixonados.

A festa acabou e, como estava tarde e o Geraldo tinha bebido um pouquinho demais, fomos para um flat. Fiquei meio apreensiva, pois ele pediu somente um apartamento e eu fiquei sem jeito de pedir para ele pegar dois, pois ele já havia gasto muito dinheiro, inclusive com presentes para mim. Chegando no apartamento fiquei aliviada, pois eram duas camas separadas. Tomei aquele banho gostoso e só então me lembrei que não tinha outra roupa para colocar. Me enxuguei e me enrolei na toalha. Voltando ao quarto o Geraldo disse que tinha mais um presente para mim. Havia um embrulho em cima da cama. Ele disse para eu abrir enquanto ele tomava banho.

Eu abri o embrulho e vi que era um conjuntinho de baby doll. A parte de cima era somente duas tiras largas que cobriam os peitos. A parte de baixo era somente uma calcinha vermelha minúscula e transparente na frente e dois fiozinhos de cada lado iam até a parte de trás, que era somente um brilhantezinho.

Enquanto ele foi tomar banho, eu coloquei o conjuntinho, afinal de contas era melhor aquilo do que ficar nua. Me enrolei no lençol e dormi.

Passados alguns minutos, acordei sentindo o Geraldo beijar os meus pés. Perguntei o que ele estava fazendo, e ele disse que estava fazendo um carinho especial em agradecimento por tudo o que eu tinha feito por ele. Deixei ele lambendo e chupando os meus dedinhos e voltei a dormir, pois estava muito sonolenta. Só sei que meio que acordei de novo com ele lambendo a minha virilha. Quando fui pedir para ele parar, ele puxou a calcinha de lado e deu uma lambida na minha xoxota. Eu só consegui dar um gemido e deitar de novo. Ele começou a me lamber tão delicadamente que me deixou louca. Eu não queria que ele parasse mais. Então segurei a cabeça dele e esfreguei a minha xoxota na cara dele. Ele notou o quanto eu estava gostando e ficou completamente louco. Me chupava forte, depois passava a língua suavemente, me deixando inteiramente sua. Então começou a subir, beijando a minha barriga, os meus seios, meu pescoço, até que beijou a minha boca alucinadamente. Enquanto isso o seu pênis encostou na minha xoxota e, como ela estava totalmente lubrificada, me penetrou de uma só vez. Começamos uma transa deliciosa. Parecíamos um casal apaixonado, e, naquele momento, eu realmente estava.

Em um raro momento de lucidez, eu me toquei que ele estava sem camisinha e eu estava no período em que poderia estar fértil. Então eu o avisei rapidinho, pedindo para que ele colocasse uma camisinha. Ele disse que não tinha camisinha, e que adoraria ter um filho meu. Eu disse que ele era louco. Que nós éramos casados, que ele tinha filhos. Ele disse que nada daquilo importava e, se eu engravidasse, eu poderia largar o meu marido que ele montaria um apartamento para mim e daria toda assistência a mim e ao nosso filho. Eu sabia que aquilo era uma loucura, mas, na hora, me deixou mais excitada ainda. Eu estava fora de mim. Então ele começou a aumentar o ritmo e perguntou o que eu achava. Eu disse que ele era louco. Ele aumentou mais ainda o ritmo, mordeu o meu pescoço, e pediu para que eu deixasse ele gozar dentro de mim. Eu falava que não, e ele pedia: "deixa, vai; vai ser demais; eu te amo". No momento fiquei tão fora de mim que só consegui falar uma palavra: "Goza!!!!". Na hora que eu falei isso ele começou a gemer bem alto e eu senti aquele jorro quente me invadindo. Foi tão alucinante que eu gozei na hora, gemendo tão alto como nunca havia gemido antes. Depois ficamos ali, deitados juntinhos, abraçados, o resto da noite. Quando acordamos transamos de novo. Fizemos de tudo: masturbação, sexo oral, anal, 69, e gozamos vária vezes.

Felizmente eu não engravidei. Transamos dezenas de vezes enquanto durou e curso. Depois do final do curso chegamos a nos encontrar uma cinco vezes, mas acabamos deixando de nos ver. Hoje posso dizer que minha vida voltou ao normal, mas nunca vou esquecer da aventura que tive com o Geraldo.

Escreva-me para compartilhar experiências ou para comentar a minha.

Wolf95@bol.com.br

Comentários

03/04/2013 15:14:00
Criativo, apesar de longo não ficou cansativo manteve o clima. Me excitou
12/11/2011 22:09:25
adorei
16/10/2011 04:18:10
Olá gata meu nome é Fabio gostei muito do seu cnto meu numero é entre em cntato cmigo q vc não vai se arrepnder mim add no msn {fabiofla87@hotmail.com} gozei muito lendo seu cnto e quero gozar muito em vc mim add eu viajo muito e posso ir ate vc aguardo seu cntato mim liga a cobrar q retornarei ou envie um torpedo ok gata vc vai gostar muinto d mim tenho certeza sou uma pssoa muito carinhoso um grand bjos na sua bucetinha quero meter meu pau de 23ctmetro na sua boca bm gostoso sou moreno claro e tenho 1,89 d altura olhos castanho claros mim add q nós cnverssamos mais certo aguardo!!
16/10/2011 04:08:18
Olá gata meu nome é Fabio gostei muito do seu cnto meu numero é entre em cntato cmigo q vc não vai se arrepnder mim add no msn {fabiofla87@hotmail.com} gozei muito lendo seu cnto e quero gozar muito em vc mim add eu viajo muito e posso ir ate vc aguardo seu cntato mim liga a cobrar q retornarei ou envie um torpedo ok gata vc vai gostar muinto d mim tenho certeza sou uma pssoa muito carinhoso um grand bjos na sua bucetinha quero meter meu pau de 23ctmetro na sua boca bm gostoso sou moreno claro e tenho 1,89 d altura olhos castanho claros mim add q nós cnverssamos mais certo aguardo!!
25/07/2011 10:13:43
Fernanda, volto a comentar. Não é todo mundo que tem coragem de "meter os peitos" e relatar uma história assim, com todo esse conteúdo proibido, principalmente quando se trata de mulher, sobretudo casada. Certamente o nome que você apresenta quando faz o seu relato, deve ser pseudônimo. Mas, de qualquer maneira, é sempre agradável saber da capacidade de algumas mulheres especiais, assim como você, de ter a coragem de trair e ainda divulgar, sem ser hipócrita, com todos os detalhes, uma transa especialmente excitante e sensacional. Ainda que o seu texto, tenha ou não alguns exageros por força das circunstâncias, ele apresenta, com toda certeza, o resumo e o retrato, do que muita mulher casada ou não, fantasia em seus sonhos eróticos, o que gostaria de fazer com outro homem, quer seja um empresário, ou o marido da melhor amiga. Parabéns de novo! Não me importaria que você comentasse o meu comentário! (risos).
20/07/2011 01:05:33
vamos tomar um chopinho juntos? AMANHA '' nova era'' ao lado do metrô vergueiro, as 20 hors
19/07/2011 13:03:31
Jack e Lara, se o recado de vocês, foi para mim, não vai ter jeito. Não sou de São Paulo, moro em Goiás! Mas adoraria ir, se fosse possível. De qualquer forma, abrigado pelo convite!
18/07/2011 14:58:50
NA QUARTA - FEIRA VAMOS RECEBER VC NO '' NOVA ERA'', UM BARZINHO NO METRO VERGUEIRO, SE VC FOR , VAI COMER GOSTOSO E GOZAR MUITO NA TESTA DO MARIDINHO DELA, POREM SENAO FOR , ATÉ O FIM DA SEMANA SERÁ ELEIMINADO DE NOSSO EMS. MEU TEL É JACK E LARA.
18/07/2011 13:44:56
Gosto de histórias e estórias bem contadas. Bem escritas. Bem ilustradas, e principalmente excitantes. Seu texto tem tudo isso. Boa gramática, e dando ao leitor, um interesse constante em prosseguir lendo e devorando cada palavra e casa frase. Ainda que, por mais que você se desculpe, ao aceitar o convite do Geraldo, é claro que já estava a fim de sair com ele e fezer tudo o que fizeram. Tem uma palavrinha que você falou durante a sua narrativa (linda) que, para mim, foi a síntese do clime mais intenso da transa. No momento em que aceita a súplica dele, e você concorda cheia de volúpia, e diz alucinada: GOZA!!! Sinceramente, para quem está lendo o seu texto e sentindo todo aquele clima, dá até para gozar junto! Sensacional! A minha nota para você é DEZ!
05/04/2010 22:14:36
oi gostosa gostei do conto eu e minha namorada gozamos juntos
01/02/2009 09:19:03
Muito bom querida nota dez pra você,um dos poucos contos bem escritos daqui deste site,vê-se que você tem um razoável bom nível para escrever e relatar de forma convicente relatos sexuais pessoais!Tem gente aqui que até pode estar escrevendo fatos reais,mas escreve tão mal,tão sem talento que não convence ninguém com sua estória, oque lógicamente não é o seu caso querida!Parabéns vai levar um dez,só pelo caso raro aqui de se escrever bem, e pelo conto delicioso que escreveste. Te add,mas você não tem hotmail para contato?Me add então aí,eis meu msn: lobovadio2009@hotmail.com
13/12/2008 14:35:14
Texto de primeira. Parabéns
13/12/2008 14:34:41
Texto de primeira
11/12/2008 17:33:41
muito bom o contos, eli_as68@hotmail.com
08/12/2008 12:22:23
Fui judiado de novo Fui convidado por um executivo do Rio, o Ricardo, a visita-lo no flat dele na av. Faria lima, liguei para minha namorada, loira, alta, seios grandes, coxuda e muito safada, a ela topo na hora principalmente quando mandei por e-mail a foto do ricardo nu, com um pau enorme e na sua resposta dizia '' Voce vai ser judiado, viu seu corninho'' no mesmo dia, transei com ela na frente do pc, ela de pé dava pra mim que enfiava meu pau na sua buceta por tras e ela passava a lingua no pau do ricardo, gozei gostoso ouvido ela dizer, '' Vai corno mete, , mete corno vou dar apra esse cara pintudo, '' Depois de 4 dias, fomos visitar o ricardo, entramos, no flat, ele nos esperava de toalha na cintura, ja tomado banho, cheiroso e de pau duro, dava para perceber na toalha levantada, A Bia recebeu uma taça de vinho na mao,e olho para mim deu um gole e disse: '' é amor, ele é pintudo mesmo ! '' com isso o Ricardo sentou na beirada da cama e tirou a toalha, CARALHO era ainda maior que na foto, A Bia, fez uma cara de riso e disse: É amor, vc vai sofre hoje, eu entao cheguei perto dela e perguntei, porque? Ela entao disse, vai ter que chupr esse caralhao com essa boquinha pequena que tem, vai chupa! Eu obedeci e era muito grosso nao cabia em minha boca, nao dava para mamar, abocanhar, nada dava; Entao ela ja nua, disse, bom ja ta duro,agora poem a camisinha ''' corno'' que eu vou sentar nesse caralhao lindo ! Obedeci rapidamente , passei a mao e enfiei o dedo na buceta da dela,para ter certeza do que eu desconfiava, ' ela ja estava ensopada '' Ela sentou e rebolou no caralhao do ricardo, ele metia e metia gostoso nela, eu do lado passava a mao no caralho dele para sentir o tesao dele e dela, ali do lado acompnahando tudo de pertinho. certa hora, ela mandou eu fazer 69 com ela , entao ela chupava meu pau e eu chupava a buceta dela, ( ela sabe que eu gosto de ver o pau do outro de pertinho) entao a visão é maravilhosa, o caralhao do ricardo, passeava na buceta dela, a cabeça do pau ia desde a portinha até o fundo da buceta dela, eu entao colocava a ponta de lingua no pau dele e lambia as bolas, ao emsmo tempo eu chupava og rela dela, como lambia o caralho dele, isso é bom de mais... Depois d eum bom tempo ela ja tinha gozado varias vezes e eu ainda nao, quando ele disse que ia gozar, ela mandou ele gozar nos peitos dela, entao se virou e deu os peitos, eu beiajva ela, e alisava a porra dele nos petios dela, deposi que ele gozou, eu gozei tambem, no rosto dela e na boca, e a beijei gostoso e meti na sua boceta enorme, arrrombadona, e gozei de novo dentro dela, tomamos mais vinho, metemos de novo e fomos embora. Adoramos transar com executivos em viagem, ''eles sao iguais mulher de corno, pode trepar a vontade, que nao dá galho'' MSN match-45@hotmail.com hbonzinho@bol.com.br .
29/11/2008 19:34:39
BEM, É APENAS UMA HISTÓRIA, ENTÃO COMO FICÇÃO ATÉ QUE NÃO É RUIM. E PODÓLATRA TEM MUITO MESMO. E ELA APRENDEU QUE UM CINQUENTÃO PODE DAR MUITO PRAZER A UMA MULHER!
25/11/2008 16:04:08
Adorei seu conto , ainda mais porque sou um viciado em Pés....que por sinal o seu deve ser maravilhoso, muitos acham estranho para mim tudo começa nos pés..isso é intrigante mas muito delicioso , só quem gosta sabe...parabens ...regitv@hotmail.com
23/11/2008 19:33:37
goste
23/11/2008 18:36:31
delicia....procurando outro empresário? me adiciona? maximus0357@hotmail.com
21/11/2008 13:46:03
achei fabulozo seu conto,meus parabens!!
08/10/2008 02:30:59
realmente é um conto no verdadeiro teor da palavra.o importante que vc possa cada vez mais se esforça em passar para os leitores,situaçoes que realmente possa ser possivel no cotidiano do dia dia.
24/09/2008 02:30:43
É complicado entender que seu esposo é tão generoso em não se preocupar onde realmente vc vai ou a hora que volta ... no mais, é um conto aceitável, e não liga para as críticas não. Nota 7,0
22/09/2008 05:40:43
"eu fiquei sem jeito de pedir para ele pegar dois"... mentira, já estavas louca pra dar pra ele, desde que aceitou ir na festa... Ótimo conto!
19/09/2008 21:08:37
Parce q foi escrito por um moleque d 15 anos.
17/09/2008 16:39:34
Agora você disse já ter uma vida normal, mas ainda toparia uma aventura dessas ?
15/09/2008 20:43:10
que conto interessante,,,, rs... bomm
07/09/2008 01:29:33
meu vc e uma otima escritora porq vc naum manda historias pro mauricio de souza kkkk brincadeira achei exitante apesar de ser chaveco esse empresario jamais iria ter essas ideias de vestidos ,baby dol etc.c ele estava fazendo aulas de informatica no minimo ele era empresario de algum cantor de buteco kkkkkkkkkk
17/08/2008 16:50:11
Achei um tesão essa sua história,é isso mesmo mulher aproveite as oportunidades elas são dificeis de aparecer o importante é que vc gozou gostoso
03/08/2008 22:50:09
eu tenho uma loja de 1,99 poderia lhe encher de presentes topas
23/07/2008 12:37:45
Adorei seu conto fiquei muito exitado e da pra ver que e veridico entre em contato comigo clarimundo7@gmail.com
18/07/2008 22:58:49
o conto é belissimo... parabens!!! continua escrevendo!
DIONE FODÃO
25/10/2005 21:55:09
SEU MARIDO È UM CORNO E VC UMA BISCATE VC È MUITO BARATA O CARA TE DEU UNS PRESENTINHOS VAGABUNDOS E VC EM TROCA DEU PRA ELE NEM UMA PROSTITUTA COBRARIA TÃO BARATO.
Renatinha
24/10/2005 19:58:32
Muito bom o seu relato. Adorei e achei muito excitante. Quero trocar alguns contos com vc. Quer? Me manda um e-mail tá. Tô esperando. Beijoka pra vc
luciene
23/10/2005 22:04:09
poxa fé adorei teu conto somos iguais adoro coisas diferente como vc fez muito bom viver a vd assim sem pensar nas consequencias!
everton
23/10/2005 20:40:07
simples gozei na cueca so ler
TCHERS
23/10/2005 10:19:42
Muito Bom, um dos melhores contos deste site. Contos assim espelham uma situação real,acontece seguidamente. Parabéns contunue ecrevendo, sem apelação e fantasias impratiáveis. Nota DEZ.
Tiozinho
23/10/2005 07:47:45
O Delícia, empresário fazendo curso de Informática? para com isso, mas vou acreditar. Vc tá com vontade de dar o cú para um gordinho, então me liga que vou gozar na sua buceta, e lamber esse cuzinho guloso, me mande um email que vou gozar gostoso, putinha
Marcos
22/10/2005 08:32:34
sinto maior tesão por mulheres casada, já tive varias experiência e qro ter mais. passe e-mail marcosvjv@bol.com.br
Fernado
22/10/2005 08:28:54
porra quero q mha mu8lher faça o mesmo cmg. pra eu mandar ela pra puta que pariu ou se eu gostar dela prefiro ser um corno alegre. bjs
Sonkaya
21/10/2005 10:40:36
Sou africano de gema e acho o conto muito fraco. Promove a promiscuidade e a prostituição. Todas as mulheres que parecem gostarem de tal tipo de contos é porque são frustradas e ainda não encontraram um verdadeiro amo e um verdadeiro homem (entenda-se AFRICANO).
Alex-Raposos-MG
21/10/2005 07:23:04
Somos todos "farinha do mesmo saco".
Alex-Raposos-MG
21/10/2005 07:21:27
Com certeza a inveja é que alimenta, alguns destas criticas destrutivas, mas o desejo e que induziu a todos a estarem neste site, portanto somos todos traidores.
papatrinca
21/10/2005 03:05:45
Depois de tanta cantada que li nos comentarios nem vou me arriscar. Parabens, excelente conto! Se quiser novas aventuras estou a disposição...
MARCO AURELIO
19/10/2005 18:37:08
VC USOU A CRIATIVIDADE DE UMA FORMA BEM LEGAL
joazinho sem braco
19/10/2005 01:07:12
que historia mais fajuta, beijar pes por um gordo. Ou vc esta tanto tempo sem dar ou seu marido nao quer te comer
alcino
18/10/2005 15:17:35
FOFINHA ADOREI SEU CONTO EU SOU DE PORTUGAL MORO EM LISBOA SE UM DIA QUISER VIR A PORTUGAL LHE PAGAREI A VIAGEM PARA PODER TER O PRAZER DE TRANZAR COM VC BONEQUINHA.
Gustavo
18/10/2005 12:28:34
Muito exitante!! fiquei lembrando quando eu estava fazendo coisa parecida, sou casado tb, tenho 35 a e moro em Brasília, me escrevam.
Paulo
17/10/2005 21:44:02
Adorei seu conto erótico, adoraria ter uma experiencia com vc, vc deve ser muito deliciosa, deve ser um furacão na cama, me escreva, aguardo resposta gostosa, mil beijos paulojdoss@bol.com.br
GUEGO
17/10/2005 15:24:58
SEU CONTO É FABULOSO, EXCITANTE, MARAVILHOSO, VOCE AGIU CORRETAMENTE, GOSTARIA DE TRANSAR COM VOCE
DENTINHO
17/10/2005 11:50:27
nossa como eu queria ser o Geraldo......
eduardo
17/10/2005 11:37:05
oi linda tenho 50 anos e isto ja aconteceu comigo, sabe mulher gosta e de gozar gostoso nao importa mais nada e parabens pelo seu conto realmente foi legal, me escreva vou gostar de trocar ideias com voce eduardo
Beto
17/10/2005 10:39:46
Fernanda, as pessoas que condenam vc, são frustradas, pois gostariam de ter a sua coragem. Eu dou valor especial a mulheres que não vacilam em realizar os seus desejos. Sua narrativa me deixou muito excitado. Quero conhecê-la.
flor-de-lis
17/10/2005 08:36:02
vc e uma vadia q foi comprada por presentes,como vc consegue olhar p/o seu marido,e como vc explicou os presentes p/ele,vc e uma vaca vadia e nojenta,tomara q ele tambem te coloque um par de chifres sua vadia!!!!!!!!!.
sexo
16/10/2005 18:35:48
adorei se quiser fazer historia pode me adicionar no msn
juruba
16/10/2005 18:26:18
porca fedorenta
Luana
16/10/2005 01:41:17
Fernanda, vc é como eu: não somos mulheres de um homem só! E parece que quanto mais traímos mais somos amadas! Beijo! Adorei seu conto!
GRANDE
15/10/2005 23:35:46
que tal um outro curso comigo em gostosa
Ricardo
15/10/2005 22:14:33
gozei ao ler seu conto, gostaria de repetir, a doze, estou aqui
Enfermeiro
15/10/2005 21:19:10
A vida é para ser vivida desde que ninguem sofra com isso, se o marido não descobre é válido. belo conto , mande um e-mail p mim quem sabe não ficamos amigos.
neronervoso
15/10/2005 21:11:49
seu marido é otário, mongolóide ou oque?!..ora dizer que vai a uma festa e vai dormir por lá... ou é otário ou quer te ver pelas costas.
15/10/2005 21:07:59
Q NOJO, O CARA ERA GORDO, E VC MESMO DISSE QNAU SENTIA ATRAÇÃO POR ELE, SUA PUTA, FOI COMPRADA COM PRESENTINHOS, Q NOJO...
15/10/2005 18:00:53
HORRIVEL ACHO QUE TRA~ÇCAO NAO TEM PERDAO, SEU MARIDO DEVIA CORTAR A SUA CABEÇA
Talita
15/10/2005 17:36:23
Tô molhadinha. Queria ter coragem para fazer o mesmo.
Marcelo
15/10/2005 17:20:12
Gozei 2 vezes lendo este relato. Demais.
Empresário
15/10/2005 17:18:22
Oi, também sou empresário. Vamos a uma festa comigo. Adoraria beijar os seus pés e você INTEIRINHA.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.