Casa dos Contos Eróticos

SE MEU AVÔ PODE COMER MINHA MÃE,POR QUE EU NÃO?

Autor: principe das coroas
Categoria: Heterossexual
Data: 29/04/2005 13:34:44
Nota 8.50
Assuntos: Heterossexual
Ler comentários (11) | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Oi pessoal, meu nome é Julio tenho 19 anos.Isto que passo a contar aconteceu quando eu ainda estava na oitava série do primeiro grau(hoje ensino fundamental). Numa sexta feira ao terminar minha prova antes do recreio,fui embora, pois não haveria mais aula naquele dia pois a professora não tinha vindo.então eu sempre soltava ao meio dia, mas naquele dia soltei as dez horas.Fui para casa e no que entro em casa,eu vejo que estranhamente a porta está trancada e mesmo assim ouço vozes lá de dentro.Abro a porta e noto que a uma conversa sussurrada e vej que vem do quarto.Meu pai sabia que não podia ser pois ele trabalha ao lado de meu colégio,eme levou para a aula. Quando eu vou dar uma espiada, quase nem acredito no que vejo, meu Avô materno e minha mãe no maior abraço,mas não era abraço de mãe e pai, pois minha mãe estava já semi nua e meu avô com o pau para fora.minha mãe então se agachou e começou a chupar o velho e o vô parecia que ia ter um ataque cardiaco tamanha satisfação.então minha mãe subiu na cama,e meu vô tirou a saia e a calcinha dela e caiu de boca,chupou tão bem que minha mãe parecia em outro lugar.Que vergonha se alguém descobre.Mas eu estava, já de pau duro e de repente meu avô levanta e diz: -que bom te ter como amante minha filha, e agora eu vou comer a filhinha que eu tanto amo. Meu avô materno tem seus 68 anos mas mesmo assim ainda mandou vara bem mandado na minha mãe e transaram bastante.ela ficou de 4, ela sentou no pau dele, e assim forma até o meio dia. horário que eu tinha que estar voltando,quando minha mãe disse que era bom parar que eu poderia chegar.meu avô tirou o pau de dentro dela e gozou no seio dela. então quando minha mãe entrou pro banho e meu avô estava se vestindo eu saí devagarinho e fui para rua.dei uma volta na quadra para ver se eu me esquecia o que eu tinha visto,mas não tinha como.minha mãe é muito puta, ela teria quedar pra mim também. Quando entrei em casa meu avô já tinha saído e minha mãe estava se vestindo.então eu fui pro meu quarto, tomei banho e esperei minha mãe chamar para o almoço. Então ela perguntou o que eu tinha aprendido, falei que a professora falou sobre incesto na aula de ciências,e perguntei pra ela o que era isso,na maior malandragem pra ver se ela me ensinava.Ela me disse que incesto era uma coisa feia, mas que não sabia direito o que era. Eu maliciosamente expliquei que incesto era mãe transar com filho,pai transar com filha,irmão com irmã etc...mas terminou o almoço fui para o quarto e estava fazendo um trabalho pro colégio e minha mãe entrou.então notei que ela estava com olhar curioso,veio e me perguntou, -tu achas tua mãe bonita? Eu disse que sim o que aliás não é mais que a verdade. então ela saiu do quarto, e foi ao banheiro, ouvi que a banheira estava enchendo. daqui a pouco minha mãe grita pra mim. -Filho trás a toalha que a mãe esqueceu. achei estranho, minha mãe nunca esqueceu a toalha.mas... quando eu gritei que a toalha ia ficar na porta ela gritou: -entra filho,trás a toalha pra mãe. Quando entrei vi a minha mãe nua, o que me deixou com tanto tesão.meu pau ficou duro e ela viu.não tinha como esconder.Ela disse -que é isso filho,não tem vergonha,não teve aula lá no coégio,não sabia que não pode. Então eu disse: -AH COM O FILHO NÃO PODE, E COM O PAI PODE? -O que tu está dizendo-disse ela ja saindo toda molhada da banheira e vindo em minha direção. -EU VI A SENHORA E O VÔ HOJE DE MANHÃ.E EU PENSEI... ela veio em minha direção,pegou meu pau por cima do calção mesmo e disse: -E quem disse que não pode,na mamãe todo mundo pode.Vem,por que tu achas que eu não troxe a toalha,eu fiquei com o maior tesão com a aula que tu teve. então ela sentou na beira da banheira e começou a chupar meu pau tanto quanto chupou de meu avô. entaõ ela levantou e virou de rabo pra mim dizendo: -mete então seu taradinho,come a tua própria mãe. terminei de tirar a bermuda e não tive duvida.meti até as bolas na buceta de minha mãe.aquela buceta era gostosa, e minha mãe tinha um fogo.ela pediu para que eu sentasse na borda da banheira ela veio e sentou no meu pau e assim fomos.até que eu gozei.tomams um banho de banheira juntos,e quando estavamos nos secando meu pau endureceu de novo,minha mãe estendeu nossas toalhas no chão frio do banheiro e alí mesmo fizemos amor em todas posições que pudemos.quando eu gozei, tomamos outro banho.e hoje em dia memsmo depois de cinco anos de nossa primeira vez, todo dia é assim,meu avõ come minha mãe de manhã e eu como ela de tarde, meu pai é um corno duplo,ou triplo,afinal até onde vai o fogo de mamãe.

Comentários

29/09/2009 18:48:11
Pô cara, a tua mãe é uma vadia que pareçe ser gostosa. Eu tenho uma vara preta e enorme para meter no cú dela. Att: Baiano
02/08/2009 15:39:42
daí gostei tua mãe deve ser muito gostosa mesmo se ela quiser mais, casalbertor15@hotmail.com
20/03/2009 14:02:09
excitante sua mae e uma vadia mto da gostosa
21/12/2008 21:06:15
meu irmão eu adimiro essa sua cara de pau de inventar uma história dessa vc é um filho da puta mesmo nem comeu e ainda inventa essa histótia,eu acho q vc ainda é virgem e um poeteiro safado,vai creser seu doido...
13/12/2007 19:51:34
Muito legal, viu? Sua mãe é bem putinha...
Sonia
25/06/2006 18:26:39
Achei demasi saber qeu tod mundo poode enfiar o cacete na sua mãe. Escreve outro
Lourenção
25/06/2006 18:25:54
. É uma vacona, mas uma delicia
Laine
30/04/2005 22:48:27
O cara fantasia a porra da história e ainda por cima com uma mãe vadia. Esse sim é o verdadeiro filho da puta.
30/04/2005 18:18:05
Eu acho esse lixo digno de ser deletado.
Carlos
29/04/2005 23:36:38
Sera que existe alguém, além do autor e, talvez, da mãe dele que possa achar esse lixo digno de ser divuldado?
Pe. quevedo
29/04/2005 21:01:02
cara eu kero comer a tua mão tb, e como vc c kiser, teu pai e teu avô seu mintiroso cara de pau, vai bater punheta...

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.