Casa dos Contos Eróticos

Feed

Filhinha tesudinha

Autor: Sr_Garcia
Categoria: Heterossexual
Data: 31/03/2005 17:37:27
Nota 7.00
Assuntos: Heterossexual
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Para as fotos deste conto www.lindaninfeta.cjb.net

Demorou um pouco para eu decidir divulgar minha experiência incestuosa com minha filha, mas não resisti a esta tentação de partilhar a melhor transa da minha vida. Débora tem 15 anos e é uma linda ninfeta: cinturinha fina, bumbum empinado, coxas grossas. Essa menina, no entanto tem um grande defeito: não perde o hábito "infantil" de circular pela casa em trajes sumários. Há aproximadamente dois meses me flagrei observando-a, num desses desfiles caseiros, de uma forma diferente. Examinava detalhadamente a marquinha do seu fio dental que apesar de minúsculo aparecia por fora de sua tanguinha de renda vermelha ainda menor. Aquela visão provocou em mim um verdadeiro delírio, mas mantive a calma e pensei em esquecer o fato. Foi perda de tempo. Não pensei em outra coisa durante toda a noite, embora o sentimento de culpa tomasse conta de mim. Na manhã seguinte, acordei um pouco mais cedo que o habitual e, com o pretexto de dar-lhe bom dia, entrei no quarto de Débora, que já havia saído da cama e entrado no banho. Me dirigi, sorrateiramente, até seu banheiro e ainda consegui chegar a tempo de vê-la se despindo sensualmente. Tirava seu baby-doll de frente ao espelho enquanto admirava suas formas. Acariciava seus seios e dançava, como se soubesse que eu a observava escondido. Quando ela tirou o pequeno shortinho cavado e revelou-me, mais uma vez, aquela deliciosa bundinha marcada de sol, entrei em transe.A menina começou a rebolar deliciosamente de costas para mim. E eu ali, atônito, louco de tesão. Após o showzinho erótico, Débora entrou na ducha e percebi que, ao se ensaboar, masturbava-se em silêncio inicialmente mas aos poucos sua respiração ia ficando ofegante e passava a emitir altos gemidos. Não pensei duas vezes: comecei a me masturbar vislumbrando aquela cena deliciosa. A gatinha, àquela altura do campeonato já se colocava de quatro, rebolando no box enquanto introduzia os dedos em sua xoxotinha. Pude perceber, enquanto ela gozava, mordia e lambia os lábios. Quase gozei junto, mas parei por ali e me retirei. Fiquei a esperando para o café. Era domingo e minha esposa havia ido visitar sua mãe em outra cidade. Estávamos sós e eu faria de tudo para tirar uma casquinha de Débora. Eis que desce a menina, mais uma vez usando uma roupinha de parar o trânsito. Mini saia, estilo colegial e um top curto que fez, mais uma vez, minha imaginação viajar. Perguntei-lhe se não achava aquela roupa um pouco indecente e ela me disse que não e já que passaria o dia em casa comigo, não via problema nisso. Sugeri, então que após o café fizéssemos algum programa caseiro e ela deu a idéia de vermos o filme que ela havia alugado. Foi pegar a fita na estante e pude mais uma vez observar, enquanto ela se esticava para alcança-la, sua linda bunda empinada sob a sua saia. Nesse momento não consegui controlar meu impulsos e literalmente abocanhei suas nádegas, sem pensar nas conseqüências. Débora, ao contrário do que se imaginaria, não esboçou nenhuma reação a não ser se apoiar-se sobre a prateleira a fim de me oferecer seu rabo, enquanto eu o chupava e mordia. Arranquei com os dentes sua minúscula calcinha que já estava absolutamente encharcada e levei-a em direção ao sofá. Débora também estava louca de tesão. Suplicava que eu lhe chupasse a buceta. Foi só tocar com a língua seu clitóris e perceber que ela já gozava alucinadamente. Mas continuei mamando. Suguei todo o néctar que ela me oferecia. Débora queria chupar meu pau, que nessa hora já estava prestes a explodir de tão duro. Que boquinha deliciosa. Ela chupou meu cacete como ninguém havia feito antes. Sua lingüinha na minha glande foi a coisa mais deliciosa que experimente na vida, mas agora que iria penetra-la. Débora se colocou de quatro e deito a cabeça na almofada. Que visão. Sua marquinha do fio dental me levava às nuvens. Puxei-a, violentamente, pelas coxas e a possui de uma vez. Débora gritou de prazer. Suplicava que não parasse de meter. Como aquela fêmea rebola gostoso! Que pele macia ela tem ! Transamos horas a fio e quando extasiados fomos nos banhar, Débora incansável, revelou-me que queria que eu comesse sua bundinha. Só de falar isso, meu pau que já não agüentava mais, deu sinal de vida. Débora começo a, mais uma vez roçar seu traseiro gostoso em mim. Puxei-a para fora do chuveiro e coloquei-a de quatro na cama. Lambi, delicadamente seu cuzinho rosado, que abria e fechava em minha língua. Débora, ainda naquela posição alcançou minha pica e a levou em direção do seu rabo. Penetrei-a lentamente. Ela gemia de dor e prazer. Em determinado momento não mais agüentei e explodi em um orgasmo intenso. Caímos lado a lado destruídos pelo cansaço. Fizemos sexo de todas as maneiras. Não pensamos um minuto sequer em nossa condição de pai e filha. Mantemos bem a aparência de situação normal em casa, mas sempre que possível damos um jeitinho de fazer um sexo gostoso.

Comentários

22/11/2010 16:27:16
Adorei seu conto!! O que não entendi ainda é que neste site as pessoas querem ser moralistas e criticar a atitude das outras pessoas. O site já diz tudo CONTOS,indiferente se ele for veridico ou ficticio. Então gente vamos parar de hipocrisia,se não gosta deste tipo de tema não leia,tem contos postados diariamente e eu só leio o que me interessa.
06/05/2009 09:08:46
po gente não fiquem estupenfados ( e assim que se escreve ?? ) isso e so uma coisa que saiu da imaginação de um pervertido nada mais
20/04/2009 14:46:18
Seu conto é maravilhoso e com sua filha caiu bem,um abraço
07/01/2009 12:29:32
e sonho gente nao caia
03/01/2009 17:18:50
Nossa q horror, seria melhor se fosse com a enteada, minha mae eh casada a 3 anos com um cara 10 anos mais novo q ela ele tem 32 anos eh uma delicia, eu vivoo dandoo a bucentinha pra ele, mas com pai aff nada a ver.
07/12/2008 14:38:32
seu conto ficaria melhor se fosse com uma sobrinha , aí sim rola tesão pq eu ja dei pro meu titio agora com a filha pegou pesado , o conto deu tesão mais estragou o fato dela ser sua filha 5 pra vc
04/12/2008 13:27:29
Seu filha da puta, corno, vem chupar meu cacete, chifrudo, vai tomar no seu cu, depravado.
10/10/2008 23:35:38
como é que não pode existir tezão entre pai e filha " julio " dá o e-mail da sua filha para eu traçar ela depois te falo do tezão
28/06/2008 07:47:44
flavio bello_@hotmail.com
10/06/2008 04:04:46
não sei não mais tem muita istoria infantil ou iluzão da mente humana nesta vida
05/06/2007 11:22:51
Toda indignação moral é, quase sempre, 2% moiral, 48% indignação e 50% inveja. Morte aos falsos moralistas. O conto não é grande coisa por questões literárias, mas é bem excitante. O resto é lero-lero.
ciço
21/07/2006 14:54:38
dar o email dela vai, quem sabe fofu ela tb, deve ser gostosa o bb dela neh.
aline
28/02/2006 01:29:21
me deu vontade de vomitar vc e horrivel e nogento
daiane
20/02/2006 14:49:40
cães e gatos e todos tipos de animais irracionais fazem sexo em familia...Freud explica que em um certo momento da vida de uma filha ela se apaixona pelo pai quer te-lo como seu macho,o pai por sua vez toda a vida quer ter a filha poi leva no inconciente o sentimento de posse, sua femea, instinto, mas por sermos animais racionais podamos esse desejo...ops, acho que todos vcs não estão entendendo nada pois são todos, apartir do momento que aceitam esse tipo de situação, animais irracionais!!!
leandro
30/09/2005 16:30:53
foi mentira eu não a credito nota 1 se a debora quiser e sou me mandar um email
CAPIXABA5
01/04/2005 11:02:13
GOSTEI conte mais
junior
01/04/2005 10:26:39
Vce mesmo um copiador, ja lir esse conto em outro site
JK
01/04/2005 09:21:29
Julio vc é um invejoso e falso moralista! Nota Dez assim que o site regitrar!
julio
01/04/2005 01:18:59
é mentira. mas tudo bem. não existe esse tesão entre pai e filha. no minimo ocorreu um estupro.
julio
01/04/2005 01:18:54
é mentira. mas tudo bem. não existe esse tesão entre pai e filha. no minimo ocorreu um estupro.
Laine
31/03/2005 19:58:09
Bom conto.. levaria 8 se o site estivesse registrando os votos.

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.