Casa dos Contos Eróticos

Feed

Titio Querido comendo meu cuzinho!

Autor: princesinha
Categoria: Heterossexual
Data: 27/01/2005 16:24:25
Nota -
Assuntos: Heterossexual
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia

Como no conto “TITIO QUERIDO”já contei como meu tio tirou minha virgindade, vou contar a vocês como prometido como ele comeu meu cuzinho! Bem, tudo foi, numa tarde de verão, a avó da minha tia havia falecido, e eles precisavam ir pra Capital, para o enterro! Meu tio pediu pra eu cuidar da casa, e disse que voltaria antes da minha tia, mas não imaginei que voltaria tão rápido! Na casa do meu tio tem uma piscina, enorme!, Como estava sozinha em casa, fui pros fundos, e estava só com a parte debaixo do biquíni, e acabei adormecendo, quando senti, uma mão, na minha bucetinha, e a outra em meu seio, olhei assustada, e quando vi, era o meu tio, que tinha voltado antes... Demos um longo beijo, e ele me perguntou, se eu queria uma massagem, é lógico que eu disse sim!, então ele tirou a roupa, colocou uma sunga, e pediu pra eu me deitar, de bruço, ele sentou em cima do meu bumbum, já me tirando suspiros, pegou o óleo, e passou pelas minhas costas massageando, passava a mão lentamente sobre meus seios, eu fechei meus olhos, e só sentia o prazer!, desceu até meus pés, e massageou, foi subindo com a mão, entre minhas coxas, até chegar no meu bumbum, onde abriu minhas pernas, e passava a mão entre meu cuzinho, e minha bucetinha. Nessa hora já sentia o volume sobre a sunga, pediu pra eu me virar de frente, e assim, o fiz, o biquíni que estava usando era desses de amarrar do lado, o que ele rapidinho foi desamarrando, e subiu pros meus seios, massageava os bicos, e depois, fazia movimentos em volta deles, aquilo estava me levando a loucura, então ele disse que iria me massagear com a língua! Beijou meus lábios, e chupou meu pescoço, desceu até meus seios, já todo arrepiado, e os sugava como um gelo, mordiscava e eu gemendo, desceu até meu umbigo, e penetrava-lhe com a língua, arrancou com a boca o meu biquíni já desamarrado, e encontrou a minha bucetinha, já enxarcada, e com o mel, que ele tanto gosta, sugava meu grelinho, e o mordia devagarinho, eu gemia muito, gemia muito alto, era uma sensação que eu ainda não havia provado, então ele desceu com a língua em meu cuzinho, ah, quando chegou no meu cuzinho, tive um gozo indescritível, senti meu corpo estremecer, e ele sugou todo o melzinho que escorria da minha gruta do prazer! Levantou-se, e pediu pra eu fechar os olhos, percebi pelo movimento que ele havia tirado a sunga, posicionou a minhas pernas, como se fosse fazer um exame ginecológico, e eu com os olhos fechados, ele sem pensar, enfiou de uma só vez, aquele mastro todo na minha bucetinha, dei um gritinho, e ele começou a meter devagarinho, tirava e colocava, brincava na entradinha, até eu implorar pra ele, enfiar tudo, pra ele me foder, ele entendeu meu recado, e me comia, como um animal, metia fundo, e forte, até que gozei, ele ainda estava com o pau duro, então me colocou de quatro, pegou na mochila dele, um pote de vick, lambuzou a mão(pensei que fosse arder, e até que ardeu, mas era uma sensação gostosa, geladinha), bem, ele lambuzou a mão, e enfiou dois dedos no meu cuzinho, que até entaum, ninguém havia mechido nele. Meteu na minha buceta aquele pau, e foi, fazendo meu cuzinho se acostumar, com dois dedos, no cuzinho, e aquela vara enorme na minha bucetinha, gozei como louca, mas ele disse que ainda não havia acabado, e sinto seu pau, pincelando no meu buraquinho,pedi pra ele ir devagar, pois sabia que iria doer, ele colocou a cabecinha, e forçou um poquinho, doeu, e ele perguntou se eu queria que ele tirasse, eu disse que não, que queria senti-lo dentro de mim, ele enfiou mais um pouquinho e parou até eu me acostumar,enfiou mais e mais até que pude sentir, suas bolas batendo em minha bundinha, ele começou um movimento bem lento de vai e vem, e começou a penetrar minha bucetinha com os dedos, eu fiquei doida, e comecei a gritar! -Vem titio, come o cuzinho da sua sobrinha, come, arreganha esse buraquinho, me fode titio querido, me fode gostoso, e ele gemia A putinha do titio, que buraquinho apertadinho, o titio vai gozar, putinha, mexe gostoso vai! Então, eu rebolei, em cima do pau do meu titio, ele tirou o pau pra fora, e gozou na minha bundinha, e no meu cuzinho, ai que delicia, que foi, sentir, aquele gozo quentinho na minha bunda! Quando ele gozou, eu fui chupar o que havia restado no pau dele, do leitinho, e o pinto ficou duro de novo, dessa vez, eu mesmo o conduzi até meu cuzinho, e disse, Titio quero que me rasgue de novo! Enfiei o pau no meu cuzinho, e comecei a cavalgar, parecendo que estava sobre um cavalo, sentia lá no fundo do meu cuzinho, e eu gozava, muito em cima do meu titio, até que senti seus jatos quentes, no meu cuzinho, lá dentro! Quando percebemos, o vizinho, tinha presenciado, tudo, e quis entrar na brincadeira, mas essa é outra história, depois disso, fomos pra piscina, e ficamos como dois apaixonados! Espero que vcs tenham gostado, votem no meu conto assim eu escrevo mais!, Me escrevam, tenho muitos outros contos.

E-mail= princesadoamor@starmedia.com.br

Comentários

junior
23/02/2006 13:47:16
adorei seu conto
De vitto
04/06/2005 15:48:03
poderei ser seu tio por uma vez????
bediro
29/01/2005 18:25:23
sem comentários
Laine
28/01/2005 14:36:25
Fofinha.. nos dois contos as pessoas descobrem a foda de vcs? Q conveniente!! rsrs

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.