Casa dos Contos Eróticos

Feed

MEU VENDEDOR ME COMEU

Autor: Luciano
Categoria: Homossexual
Data: 14/07/2004 17:02:54
Nota 8.00
Assuntos: Homossexual, Gay
Ler comentários | Adicionar aos favoritos | Fazer denúncia
Clique aqui para vídeos gay

Eram quase 7 da noite quando saí do trabalho, pronto para ir para casa

ver a minha mulher e a minha filha. Me chamo Ferreira e trabalho como gerente de uma famosa rede de sapataria na Grande Porto Alegre. Um dia quase normal. Quase, por que quando eu estava ligando o carro, chega o Carlos , cara que trabalhava como vendedor da loja, todo folgado, e bate no meu vidro perguntando se eu podia lhe dar uma carona. Fiquei contrariado, afinal nunca tive muito assunto com o cara, mas concordei e ofereci a carona.

Carlos deve ter uns 24 anos, cabelo preto, belo físico, é solteiro e tem uma

incorrigível pinta de folgado, de malandro comedor de todas as menininhas que sempre me irritou. No caminho, ambos

puxamos uns poucos assuntos, e eu sempre sentindo aquele ar de garotão superior que me deixava puto. Tão puto que fiquei surpreso, ao deixá-lo em frente a seu prédio, quando me convidou pra subir.

- Não, Carlos, não precisa, estou com pressa - respondi.

- Entre - ele insistiu - Sei que não é dia de visitinhas, Seu Luciano(era terça-feira), mas eu preciso de uma ajuda e queria aproveitar que você já está aqui. Fiquei mais puto ainda, mas fui. Eu sabia que tinha coisa aí. Na certa o computador dele estava com algum problema (ele era péssimo nisso, todo mundo sabia) e ele ia me encher o saco pra arrumar tudo.

Foi só entrar na casa dele e veio a surpresa. Carlos trancou a porta e

me puxou pelo braço.

- Que é isso, meu?

- Que é isso meu o cacete! - ele respondeu, enquanto me segurava pelos dois braços cara a cara com ele - Agora somos só nós dois, chefinho, e eu vou te dar o que você está querendo há muito tempo.

Não entendi nada, o cara ali me segurando, de frente pra ele, me falando aquilo. Eu não tinha o que fazer. 32 anos, 1,73m, 76kg, nada afim de brigar, e o cara com aquela pinta de molecão de praia, 24 anos, bem maior e mais forte que eu, me segurando assim. Só fiquei quieto, olhando.

- Isso, viadinho. Fica quietinho, na loja quem manda é o senhor; aqui é diferente: quem manda sou eu - ele disse.

Fiquei estático. Que papo era esse de viadinho? O cara vai me bater,

vai me matar, sei lá. Carlos começou a tirar a minha camisa, depois me

empurrou pra longe, mandando:

- Vai. Tira a roupa, viadinho.

- Pra que isso, Carlos? O que você vai fazer? Me deixa ir embora.

A esta altura, já estava implorando, mas a ordem dele era firme, e diante daquele olhar de macho raivoso não tive escolha. Quando olhei de novo pra ele, já peladinho, vi uma pica grande, grossa e dura pra fora, e só ouvi a voz:

- Chupa, chefe!

Hesitei por quase uma eternidade, mas quando o ouvi repetir, com mais

força - Chupa, chefe viadinho! - tive que obedecer e, trêmulo, aproximei

minha boca daquela vara. Nunca tinha feito aquilo. O cheiro da gala dele

estava me dando nojo, mas não tinha jeito, então pus a boca e comecei a chupar.

- Chupa, putinha tesuda, chupa - era o que ouvia enquanto abocanhava aquele monstro e fazia o máximo possível para não mordê-lo, pois estava com medo e afim de que isso tudo terminasse o mais cedo possível. Não conseguia acreditar. Eu, o macho de casa ali, ajoelhado na frente de um folgadão, mais jovem do que eu, chupando pica e ouvindo sacanagem. Era muita humilhação. Não sabia se chorava, se reagia, se fugia, se cedia. Só voltei à realidade quando, bombando forte e segurando a minha cabeça, Carlos gozou. Nessa hora, como que para me humilhar ainda mais, ele puxou a pica bem pra beirada do meu lábio e encheu a minha boca de porra.

- Vai, putinha gostosa, toma a porra de macho que é disso que você gosta. - ele dizia, entre aqueles gemidos de macho gozando gostoso. O gozo, a porra, aquele gosto forte na boca, na hora, me deixaram chocado, mas algo em mim mudou. Fiquei estático, parecia até que eu tinha gostado, e quando ele tirou a pica, num reflexo, engoli toda aquela porra.

Fiquei ali, olhando pro chão, de joelhos, pensando em tudo aquilo,

enquanto ele foi tirando a própria roupa. Era um garotão, sem dúvida,

mas tinha um corpo bem feito, masculino, sem excessos. Fiquei ali, olhando aquele peito, aquelas coxas grossas, aquele pau meia-bomba, quando ele abaixou, me puxou pelo braço e me virou de costas, já me encoxando.

- Vem cá, putinha - ele dizia.

- Não, Carlos, por favor. - eu suplicava - Não quero.

- Quer sim, putinha, você sabe que quer - dizia ele, bem no meu

ouvido.

- Por favor... não - falando mais pra mim mesmo do que pra ele.

- Vai, putinha - mandou, enquanto me jogou no sofá, me deixando já de quatro. - Agora você vai ver o que é bom.

Meu medo triplicou, quando senti uma cuspida no cuzinho. Carlos

colocou a camisinha rápido, na pica que já estava dura de novo, e foi colocando devagar. Eu gemia baixo - de dor - e isso parecia excitá-lo ainda mais. Só que aquela pica quente estava fazendo eu me sentir estranho. Muito estranho. Senti meu cu todo rasgado, quando ele terminou de meter, mas naquele tempinho em que ele ficou parado, dentro de mim, meu pau começou a subir, e eu fui ficando todo mole.

- Tá gostando, né viadinho? Não disse? Relaxa agora. Você já tá

marcado. Depois de hoje, você não vai conseguir ficar sem pica, e vai lembrar pra sempre da minha pica, que inaugurou esse rabinho gostoso, e de mim, que te transformei no viadinho que você é agora.

Na primeira mexida de Carlos, já não resisti, e soltei um aaaaaaaaaiiii tremendo de prazer, um prazer que nunca sentira antes. Aquele corpo, aquele homem, aquela pica, destruiram a minha masculinidade. Ele enfiava e tirava bem devagar, gemendo forte, e grave, um gemido de homem que me hipnotizava, como o gemido do gozo anterior, na minha boca. Eu gemia, também, mas estava mole, e meus gemidos saíam afetados, meio femininos, meio afeminados. Lembrava daquela vara na minha boca, do gosto de homem, do gosto de porra, e me excitava ainda mais. Agora estava ali, nu, de quatro, apoiado no sofá dando a bunda pra um cara. Dando a bunda! Não éramos amigos, não estávamos apaixonados, eu não era afetado, afeminado ou feminino de qualquer forma, mas aquele cara folgadão decidiu me comer e estava ali, me comendo, como comeria sem pudor qualquer das menininhas que pagavam pau pra ele. Agora eu entendia, finalmente, o que era um homem que sabe o que quer, que toma o que quer, que faz o que quer. Ele queria minha boca, queria minha bunda, me queria viadinho pra ele, e me fez. Eu só sentia aquela vara deliciosa entrando, e saindo, e entraaando, e ouvia meus gemidinhos escaparem, e rebolava minha bunda, procurava aquela pica com minha bundinha, me deliciando com o barulho daquela foda que só um homem de verdade sabe dar. A pica ia

e vinha, e ia, e vinha de novo, rápido, e as mãos de Carlos me

seguravam firme, pelos quadris, e eu apoiado, apoiada, sei lá, no sofá,

delirando, gemendo, rebolando, sem gozar, mas num orgasmo que não tinha mais fim.

Carlos metia, metia fundo, metia rápido. Quando largava meus quadris,

me dava um tapa na bunda, estalado, que só me excitava mais ainda, ou então me puxava pelos cabelos (curtos, meio calvo), colava nossos corpos e me xingava, bem no meu ouvido, sem parar de me foder.

Já nem sabia há quanto tempo estava ali, viado, nua, feminina, puta,

sendo usada, abusada e estuprada por aquele macho lindo, jovem, tesudo e caralhudo, gemendo e me entregando, quando gozei. Foi um orgasmo forte, intenso. Nunca gozei tanto e com taaaanto prazer assim. Rebolava naquela vara feito uma louca. O cara era insaciável. Esfriei, parei de gemer, fiquei preocupado, com remorso, puto, mas ele continuava metendo, me dando tapas, me xingando, e meu frio pós-gozo não tinha espaço, perante à autoridade de macho do Carlos. Ele me puxou pelos cabelos, mais forte dessa fez, e me ordenou.

- Geme, sua puta!

Obedeci e gemi. Eu era dele, não tinha jeito. Rebolei, gemi, e mesmo mole eu sentia que era aquilo que eu queria. Carlos acelerou os

movimentos, gemeu mais forte, cravou aquela pica maaaravilhosa em mim e gozou, gozou feito um doido, e desabou sobre mim.

Fiquei ali, de quatro, apoiado no sofá, com um puta macho atolado no

meu cu, largado em cima de mim, cheio de remorso e de tesão. Aquilo era uma foda, que foda, a foda. Fui estuprado, dominado, transformado. Entrei naquele apartamento homem, e saí de lá um viadinho.

Comentários

03/04/2008 20:28:52
Muito interessante essas colocações dos pseudo machos. Se vocês não são gays como proclamam, porque lêem contos gays? Alguma coisa está errada, ou melhor, está certa demais. Vocês são viados enrrustidos que não tem coragem de assumir. Eu sou assumido, passivo e adoro homem, mas os homens que me comem também chupam meu pau e já comi a maioria deles. Nada errado com isto. Acho que uma relação homo é muito mais autêntica do que essas fodas papai-mamãe que deixam as mulheres na mão... E claro que se já não experimentaram (o que eu sinceramente duvido) vocês estão afim é de transar com outro homem.
Kadu
11/08/2005 00:44:55
eus parabens Luciano ... Seu conto foi simplesmente um Tesao. Vc merece um 10 como nota
rique
14/06/2005 14:17:58
dar sua filha pra mim viadao
Nando
07/06/2005 12:13:57
tudo mentira, um a porcaria de conto Nota 0
Rondinelli
02/06/2005 17:59:26
Bem, o conto é meio duvidoso. Ora ele diz que é homem e que não queria saber daquilo, ora já estava gostando de ser enrabado. Amigo, seja sincero, quando um não quer, nem sonhando os dois brigam...
JONAS
26/05/2005 17:21:31
O CONTO É EXCELENTE, MAS MEU COMENTÁRIO VAI PRO TAL DE ZEUS: POR FAVOR, IGNORANTE, SE TU NÃO TEM CAPACIDADE DE ESCREVER SEM COMETER TANTOS ERROS DE PORTUGUÊS, FICA NA TUA. PEGA UMA GRAMÁTICA E VAI ESTUDAR EM VEZ DE CRITICAR A OPÇÃO SEXUAL DE QUEM QUER QUE SEJA. É MAIS PROVEITOSO E NOS POUPA DA TUA BURRICE.
zeus
25/05/2005 03:58:33
e fim de mundo mesmo como um homen nase pra ter uma esposa tem uma filha faiz uma coisa dessa o mundo ta lascado com esse tipo de gente canalha vc e rejeitado por todas a sosiedade mona disgrasada monstro de outro mundo e da das trevas escoria do mundo escuridao morre maldito aseita jesus logo uhmmmm
diabo
25/05/2005 03:51:13
demonio vou te levar pro inferno gay safado malditooo viado velho cu podre sem pre ga filho da puta diabo do inferno putooooooooooooo vai te fude no inferno.....
odeio frango miseravel
25/05/2005 03:32:10
miseravel do inferno maldito disgrasado amaldicoado disgracado filho da puta corno nacido do inferno pensa na tua filha se um dia ela souber que desepcao canalha mentiroso o teu pai e tua mae ta rolando no tumulo e deus tais lascado miseral do inferno puto bichaaaaaaa
LEMOS
21/05/2005 17:47:47
PARABÉNS PELO CONTO E PELA CORAGEM DE COLOCAR AQUI SUA EXPERIÊNCIA.
rmmnh
11/05/2005 05:10:53
Concordo q o conto é bom sim. Apesar d q o Luciano já tinha essa tendência sim pois mesmo sendo menor q o garoto se quisesse poderia reagir, acho q ele apenas deixou aflorar um sentimento q já existia e realmente esses q criticam poderiam pelo menos admitir q tem curiosidade, caso contrário não leriam esses contos
leco@
09/05/2005 00:18:11
Puta q pariu! o cara ja nasceu com vontade de dar!e vem com essa historia de "eu era macho"vai se fude seu arrombado do caralho!
Paulo Torres
07/05/2005 05:54:01
Vc é um cara de sorte,espero um dia achar um homem que faça isto por mim, desde que com muito carinho. Boa sorte.
ANTI-VIADISMO
06/05/2005 17:54:58
NAO VOU MANDAR VOCE IR DÁ ESSE CU PQ SEI Q VOCE VAI MAS VÁ PRA PUTA QUE TE PARIU SEU VIADO SEM VERGONHA !
cineprive
05/05/2005 15:13:47
q delciaaaaa.mesmo sendo mulher-adoro ler contos como o seu-nossa..q tesao...
L T M
03/05/2005 10:37:50
Sou mulher e confesso que não existe nada nesse mundo mais tesão do que ver dois machos se beijando, se lambemdo, se chupando e um comendo o cuzinho do outro. Muito gostoso o seu conto. Beijo
allison
02/05/2005 22:14:27
bando de viado safado! troca uma mulher por machu bando de boyola safado !!! vai se lasca seu gay !!
Aline
30/04/2005 17:50:09
Sou mulher, mas tenho tessão em ver homens transando, sou casada e meu marido jamais concordaria em satisfazer esta minha fantasia sendo ele envolvido. Luciano, gostei do seu conto, apesar de não ter achado totalmente real, mas valeu. Abraços...
gomesdeespaña.
27/04/2005 12:12:16
ai seu viado arrebentado,agora manda sua mulher pra min viado sem vergo- nha quete mandarei minha porra por sedex.
Marcus
27/04/2005 03:33:21
Conheço bem essa história,tu tava se fazendo de donzela pro cara luciano.Bom o conto é bem erótico,mas falta algo que não ficou bem explicado o porque tu não reagiu porra,não honras teu sangue de gaúcho ou melhor,de prenda no teu caso.Luciano eu sou gay,mas teria medido a mão na cara o sujeito se não estivesse a fim de levar a pica,mas gostos são gostos.espero ver outro conto escrito por ti,um abraço marcus
malmal
25/04/2005 10:28:21
como todo tipo de cu meliga
Safado
23/04/2005 16:13:20
Bom... O conto do rapaz é uma história razoável. Já os comentaristas...! Vejam só: o Anti-h (que se odeia), o ALLO, o Bota Pica, bonitão, roger e o zé jumento (que atualmente esta broxa de tando dar pro Manuelito, e tentar convencer a muié que aquilo voi outra coisa) nao são machos, muito menos heteros. Vivem em um limbo que é um misto de enrustido com tarado, nao têm prazer nenhum com mulé, e são capazes de se suicidar só de imaginar que o cunhado deles poderia descobrir que são putos. E os que são casados também enganam a esposa e filhos, só que nao tiveram a sorte de serem batizados com uma vara gostosa no seus rabos empoeirados... Que a terra há de comer. BIXXXXXASSSSSS!!!!
Mr. Burns
21/04/2005 00:41:27
Viado safado !!!! Queria é dar esse cu velho de guerra pro cara e ficava disfarçando, né seu filho da puta !!! Tem mais é que ser arregaçado mesmo seu safado .Bota sua mulher na minha mão que vou enterrar minha rola no rabo dela e depois deixo vc mamar só pra limpar os 2 litros de porra quando eu gozar.
Rogério
19/04/2005 16:35:26
Sua experiência, se verdadeira, comprova aquilo que todos dizem. Qdo uma macho é pego de jeito e recebe um tratamento vip de outro macho, não fica mais por muito tempo sem um caralho enterrado no cu.
Zé jumento
18/04/2005 22:18:42
viadinho safado. seu filho da puta. Agora vai querer da o cú até para um cavalo. sua bicha irrustida. Se eu tivesse perto de vc socaria um cabo de vassoura no seu cú até sair na boca.
julio
15/04/2005 00:06:11
manda um e-mail gostozão
celio
14/04/2005 23:44:31
porra, fiquei de cu latejando de Tz
JULIO
07/04/2005 08:42:02
NÃO ESQUENTA A CABEÇA COM AS CRÍTICAS FEITAS AQUI, LUCIANO. OS CARAS LÊEM A TUA HISTÓRIA, FICAM DE PAU DURO, BATEM UMA PUNHETA SE IMAGINANDO NO TEU LUGAR E DEPOIS ESCREVEM ALGUMA BOBAGEM TE CRITICANDO. DO QUE ELES TÃO PRECISANDO É DE UMA VARA BEM SOCADA NO CU. SE ASIM NÃO FOSSE, AO VEREM QUE TEU CONTO É DE CATEGORIA HOMOSSEXUAL, NEM SEQUER O LERIAM. ABRAÇO. FELICIDADES.
Roger
02/04/2005 15:10:47
Tudo bem viadinho. Eu como você com uma condição. Sua filha puta e sua mulher arregaçada vão ter que ver tudo e depoi eu dou um trato gostoso nelas. Quero comer sua filha enquanto sua mulher lambe o cú da filhina.
bonitao
27/03/2005 21:51:06
esse cara tava er aquerendo mesmo a muito tempo vai ser boiola na nos quintos dos infernos... porrrrrrrrrrrrrrrrrraaaaaaaaaaaaaaaa meu.
HUGO
21/03/2005 15:32:20
PASSEI DUAS HORAS DESSA SEMANA POR PERTO DA TUA LOJA NO SHOPPING...SÓ TE CUIDANDO. EMBORA NÃO TENHAS MUITA ALTURA, TENS UMA BUNDA DE PARASR O TRANSITO E UMA BOCA DESENHADA PRA MAMAR NUM CACETE. NÃO VOU DESCANSAR ATÉ CONSEGUIR, PELO MENOS, TE COLOCAR PRA MAMAR NO MEU CACETE E ENCHER ESSA TUA BOCA DE PORRA DE MACHO
Bota Pica
15/03/2005 11:35:34
VIADOS DO INFERNO, VÃO TOMAR NO CENTRO DO CÚ DE VC´S SEUS LAZARENTOS!!! COM TANTA BUCETA MOLHADA E GOSTOSA POR AÍ VC ´S QUEREM DAR O CÚ??? VÃO PRA PUTA QUE PARIU!! ESSE FILA DA PUTA TINHA QUE DAR A MULHERZINHA DELE PRA MIM!!! OU A FILHINHA QUEM SABE? IA ESTORAR O CABAÇO DELA EM VEZ DE CÚ CABELUDO... VÃO SE FODER, SUAS BICHAS MARDIÇOENTAS!!!!
INÁCIO
04/02/2005 13:48:00
TBM TE CONHEÇO BEM, CARA. SÓ PRA PROVAR ISSO, SEI QUE ESTÁS GERENCIANDO A LOJA DO SHOPPING DE SÃO LEOPOLDO. O CARLOS TÁ DE PARABENS. TE FEZ UM VIADINHO NOTA DEZ. SABES SATISFAZER UM MACHO MELHOR DO QUE QUALQUER VAGABUNDA. A CHUPADA QUE DESYES NO MEU PAU FOI INESQUECÍVEL. PARABÉNS CARLOS!
ju
26/01/2005 16:28:01
th
RICARDAO
24/01/2005 14:01:33
Luciano conta outra eu ti conheço e sei onde é a loja vc sempre foi viado, nao lembra a cagada que vc deu no meu irmao? o tonho bom di pica? Tu era afim de mim mas eu nao como viado e tu caiu em cima do meu irmao dando 30 reias para ele em troca de uma foda agora vem contando essa historia que era virgem? O Carlos foi o vigesimo homem que tu cagou fala serio.
global
31/12/2004 20:26:13
fala serio meu ! eu aposto que voce ficava observando e desejando ele na loja a muito tempo seu viadinho
Black_sthelth
19/12/2004 20:43:03
Isso ae quanto maior quantidade de viado melhor!!!
Calsonic
19/12/2004 20:18:32
Quanto mais viado mais mulher sobrando "da mesmo filho da puta"
Asdrubal
15/12/2004 13:05:38
Esse viado filha da puta é o Roberto, eu sabia que ele ia se entregar e soltar a franga, só assim esse viado me esquece
15/12/2004 01:44:18
seu maldito... dando o rsbo enquanto a mulhaer e filah tvam em kza... maldito cao do inferno...
Futuro Viadinho
08/12/2004 18:36:34
Depois dessa eu tb quero virar um viadinho...nossa, essa surra de pau deve ter sindo maravilhosa! Quero essa pica pra mim!
fernando
26/10/2004 04:32:23
gozei como nunca lendo seu conto, que mais....
20/09/2004 19:55:51
Seu viadinho vc tava louco para soltar a franga.
Jânio Marques
20/09/2004 18:18:03
Amei.
TOM
20/09/2004 00:19:01
ENGANA QUEM MEU? C TAVA LA PORQUE QUERIA LEVAR ROLA.
stargate50BH
12/09/2004 20:26:30
Li novamente este relato e quase gozei, deve ter sido mto gostoso ter dado pra um macho gostoso como este. O cara sabe meter mesmo. Pena não ter sido eu o fodido(e bem fodido)!!!
ALLO
11/09/2004 14:47:06
DÁ A TUA MULHER E TUA FILHA PRA MIM AGORA SEU VIADO...
Viadinhoooo
30/08/2004 15:55:44
Fala sério heim viadinho???!!?!!! Vai dar o cú pra td mundo agora né?!?! Tssss Eu como putinha s você quizer!!
Elvis
30/08/2004 00:36:26
VIADÃO... ARREGAÇOU O CÚ E SOLTOU AS PREGAS. ERA ENCUBADO, BICHO VIADO!
TIGER
16/07/2004 11:39:05
Gostoso...bati uma punheta muito gostosa enquanto me deleitava no seu conto!
Pá Virada
15/07/2004 00:41:32
Macho, depois dessa fodeção toda tu passou quantos dias sem sentar o cu na cadeira? "Vôte Caba Dadeiro"!!!
stargate50BH
14/07/2004 21:27:27
Pena que não era eu o comido. Que tesão!! Manda ele prá mim, miha pica está levantando o teclado!!!!!!!!!!!!
anti-homosexualismo
14/07/2004 20:15:37
Vai dar o cu lá na casa do caralho

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.